Música

Maestro João Carlos Martins é internado em São Paulo com embolia pulmonar

Manuela Scarpa/Photo Rio News
13.dez.2014 - O maestro João Carlos Martins se apresenta no espetáculo "A Magia do Natal", em São Paulo imagem: Manuela Scarpa/Photo Rio News

Do UOL, em São Paulo

O maestro João Carlos Martins, de 76 anos, está internado desde a manhã desta terça-feira (24) no hospital Sírio Libanês, em São Paulo. O quadro é de embolia pulmonar. A informação foi confirmada ao UOL por Lucas Damião, assessor do músico. Segundo familiares, apesar do susto, ele está bem.

João Carlos Martins participaria nesta quarta-feira (25) de um concerto no Theatro Municipal de São Paulo em comemoração aos 463 anos da cidade. Como o maestro não tem previsão de alta, a apresentação deve ser cancelada.

O maestro também tocaria suas versões de "Ave Maria" e do hino nacional brasileiro na abertura do Jogo da Amizade, um amistoso entre Brasil e Colômbia que homenageará os jogadores mortos na tragédia da Chapecoense. O jogo de futebol acontece também nesta quarta-feira (25), às 21h45 no estádio do Engenhão, no Rio.

Mas outra apresentação, marcada para daqui duas semanas, está garantida. Ao menos se depender da força de vontade do maestro. "Esse eu vou até de maca se precisar", disse o músico ao seu assessor horas depois de ser internado.

João Carlos Martins toca ao lado de outro lendário pianista brasileiro, Arthur Moreira Lima, no dia 2 de fevereiro no Citibank Hall, em São Paulo.

Recentemente, o músico se submeteu a uma complexa cirurgia no mesmo hospital para tentar recuperar os movimentos da mão e do braço esquerdos, como revelou o colunista do UOL Ricardo Feltrin.

O quadro de embolia pulmonar, no entanto, não tem relação com a cirurgia, segundo os médicos que atenderam Martins no hospital nesta terça-feira (24).

Cinebiografia

Felipe Panfili/Divulgação
28.abr.2016 - O maestro João Carlos Martins posa com a equipe de produção e o elenco de "A Paixão Segundo João", cinebiografia sobre a vida dele imagem: Felipe Panfili/Divulgação

Nascido em São Paulo, em 1940, o artista começou a estudar piano aos oito anos de idade e iniciou a carreira profissional aos treze. Estreou no Carnegie Hall, em Nova Iorque, aos 20 anos e todas as suas apresentações tiveram ingressos esgotados. Por conta de diversos problemas de saúde foi obrigado a deixar de lado a carreira de pianista, definitivamente, em 2012.

Este é o pano de fundo para "A Paixão Segundo João", cinebiografia de João Carlos Martins, que começou a ser gravada no final de abril do ano passado.

Com roteiro e direção de Mauro Lima ("Meu Nome Não É Johnny" e 'Tim Maia"), o filme mostrará ao grande público a carreira de pianista. Alexandre Nero assume o papel principal e Alinne Moraes será Carmen Valio, a mulher do maestro. O elenco conta ainda com Caco Ciocler e com a ex-"Malhação" Fernanda Nobre.

"A Paixão Segundo João" ainda não tem data de estreia definida.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 
Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Topo