PUBLICIDADE
Topo

Em entrevista inédita, Jim Morrison diz que "não há nada de errado em ser gordo"; assista ao vídeo

Ilustração mostra Jim Morrison em entrevista de rádio inédita - Reprodução/Youtube
Ilustração mostra Jim Morrison em entrevista de rádio inédita Imagem: Reprodução/Youtube

Do UOL, em São Paulo

03/04/2013 13h35

Em entrevista concedida ao jornalista Howard Smith em 1969, Jim Morrison estava faminto. Parte de uma nova série criada pela rede de TV americana PBS, que resgata entrevistas com artistas consagrados em ilustrações, Morrison começa pergutando se os repórteres estão com fome e questiona o "que há de errado em ser gordo?".

Ele relembra sua época no colégio e diz que chegou a pesar 80 kilos, o que para sua altura era acima do peso. "Eu me sentia ótimo, como um tanque de guerra, era uma grande fera, me sentia ótimo", conta ele em um trecho, ilustrado com as imaginações do artista. Ele ainda conta que acordava mais cedo, às 6h da manhã, para tomar café na escola, o que era muito barato e lhe rendia uma refeição com ovos, bacon e salsicha logo pela manhã. "A gordura é bonita", diz Morrison. "Quando eu era magro sentia que podia ser levado pelo vento". 

Em 1969, Morrison estava longe da estrutura física que lhe rendeu o título de galã do rock. Em processo de separação com o Doors, o cantor começava a exibir um semblante mais gordo e barbudo para despistar os paparazzi.