UOL Entretenimento Música
 

16/04/2009 - 15h10

Participante de reality show britânico vira febre na internet

Em uma semana, Susan Boyle foi do karaokê e do coral de sua igreja à fama global e a um convite para participar do programa de Oprah Winfrey.

A escocesa de 47 anos, que afirma nunca ter sido beijada, ganhou celebridades como fãs e milhares de admiradores --incluindo um número considerável de homens-- desde que surpreendeu os jurados do programa da TV "Britain's Got Talent".
Susan Boyle canta no programa "Britain's Got Talent"

A fama da cantora teve ajuda da tecnologia. Um clipe da apresentação foi visto mais de 12 milhões de vezes no YouTube.

"Susan apenas canta sempre que pode", disse Jackie Russell, gerente de um hotel em BlackBurn, Escócia, onde Boyle canta no karaokê de vez em quando. "Não fomos surpreendido pelo talento dela, mas pela reação ao redor do mundo."

  • Susan Boyle confirma fama do "Britain's Got Talent" criar sucessos virais


  • Até recentemente, poucas pessoas de fora da vila de Blackburn tinham ouvido falar de Boyle, que vive na casa modesta que dividia com sua mãe viúva, morta há dois anos. Nos últimos dias, ela apareceu em TVs do mundo todo. A atriz Demi Moore é uma de suas fãs.

    "Tem sido surreal para mim", disse Boyle à Associated Press. "Vou aparecer no 'The Oprah Wimfrey Show", na CBS e outros canais norte-americanos."
    AP
    Susan Boyle em sua casa em Blackburn, Escócia (16/04/2009)

    "Não imaginei que haveria essa reação, apenas subi no palco e me apresentei."

    "Fiz isso pela minha mãe", disse Boyle. "Eu queria mostrar a ela que poderia fazer algo de minha vida."

    Boyle conquistou milhares de telespectadores --exatamente como ela derreteu o coração do jurado mais cruel da televisão, Simon Cowell -- com sua interpretação de "I Dreamed a Dream" em um episódio do programa "Britain's Got Talent". O vídeo tomou a Internet de assalto.

    A platéia do programa riu quando Boyle apareceu no palco com o cabelo encaracolado e com um vestido desalinhado.

    Ela disse ao público que "nunca foi beijada --uma vergonha, mas não é propaganda!". E atraiu olhares céticos quando disse que gostaria de ser uma cantora profissional, como a estrela da Broadway Elaine Page.

    Então ela começou a cantar "I Dreamed a Dream", do musical "Os Miseráveis". Sua voz ascendente atraiu olhares assustados e então sorrisos de satisfação dos jurados Cowell, Amanda Holden e Piers Morgan. A platéia aplaudiu a apresentação de pé.

    Cowell descreveu a cantora como "extraordinária". Morgan disse que a performance "impressionante" foi "a maior surpresa que tive em três anos de programa".

    "Eu mal posso me lembrar do que aconteceu naquela noite, já que fiquei de olhos fechados a maior parte do tempo", disse Boyle. "Eu realmente não me dei conta do que estava acontecendo."

    Compartilhe:

      Hospedagem: UOL Host