PUBLICIDADE
Topo

De proibidão para liberadão: As versões light mais inocentes dos funks

Do UOL, em São Paulo

12/01/2017 16h04

Na última quarta-feira (11), o funkeiro MC G15 mudou radicalmente a letra de seu hit "Deu Onda" para tocar em rede nacional no programa "Encontro", da Globo.

Entre as mudanças da letra, a palavra "pau" foi substituída por "pai" e "meter" por "te ter". Mas o que mais chamou a atenção foi a mudança do verso "nem fumar maconha" por "não tenho vergonha".

"A versão proibidona é uma versão na qual eu canto, mas não tenho orgulho de cantar. É um bagulho que sai por causa da minha vida, da minha correria. Se eu falar uma versão 'mais light' num baile [funk] vão 'tacar' latinhas na minha cabeça", disse ele.

Mudanças como essas são comuns, principalmente em funks. A cantora Valesca Popozuda, por exemplo, é a campeã de mudanças. Pelo menos três faixas dela possuem duas versões: a proibidona (repleta de palavrões) e a light.

Mas faixas de Ludmilla, MC João, Mc Nandinho e MC Livinho também já ganharam a sua versão light. Confira na lista abaixo algumas delas:

De proibidão para liberadão

  • Reprodução / Facebook

    "Deu Onda", do MC G15

    Versão proibidona
    Eu preciso te ter
    Meu fechamento é você, mozão
    Eu não preciso mais beber
    E nem fumar maconha
    Que a sua presença me deu onda
    O seu sorriso me dá onda
    Você sentando, mozão, me deu onda
    Que vontade de fuder, garota
    Eu gosto de você fazer o que?
    Meu pau te ama
    Aaai caralho!

    Versão light
    Eu preciso te ter
    Meu fechamento é você, mozão
    Eu não preciso mais beber
    Não tenho vergonha
    Que a sua presença me deu onda
    O seu sorriso me dá onda
    Você sentando, mozão, me deu onda
    Que vontade de te ter, garota
    Eu gosto de você, fazer o quê?
    O pai te ama
    O pai te ama, é

  • JR Duran/Divulgação

    "Bom", de Ludmilla

    Em uma versão feita para a Rádio Disney, Ludmilla substituiu a palavra "taça de Chandon" para "caixa de bombom".

    Versão proibidona
    Uma taça de Chandon (bom)
    Um calor no edredom (bom)
    'Cê tirando meu batom é bom, bom, bom, bom, bom

    Versão light
    Uma caixa de bombom (bom)
    Um calor no edredom (bom)
    'Cê tirando meu batom é bom, bom, bom, bom, bom

  • Francisco Silva/AgNews

    "Beijinho no Ombro", de Valesca Popozuda

    A funkeira Valesca Popozuda é a campeã na mudança das letras. Nesta música, por exemplo, ela mudou "puta que pariu" para "pra fora do Brasil".

    Versão proibidona
    Não sou covarde, já tô pronta pro combate
    Keep Calm e deixa de recalque
    O meu sensor de periguete explodiu
    Pega sua Inveja e vai pra puta que pariu (Rala sua Mandada)

    Versão light
    Não sou covarde, já tô pronta pro combate
    Keep Calm e deixa de recalque
    O meu sensor de periguete explodiu
    Pega sua Inveja e vai pra fora do Brasil (Rala sua Mandada)

  • Divulgação

    "Baile de Favela", do MC João

    MC João mudou as palavras "xota ardendo" para "seu talento" e "xota dela" para "dançar com ela"

    Versão proibidona
    Ela veio quente e hoje eu tô fervendo
    Que ela veio quente, hoje eu tô fervendo
    Quer desafiar? Não estou entendendo
    Mexeu com o r7 vai voltar com a xota ardendo (vai)

    Que o Helipa, é, baile de favela
    Que a Marcone, é, baile de favela
    Que a são Rafael, é, baile de favela
    E os menor preparado para foder com a xota dela (vai)

    Versão light
    Ela ela veio quente e hoje eu tô fervendo
    Que ela veio quente, hoje eu tô fervendo
    Quer desafiar, não estou entendendo
    Mexeu com MC João vai ter que mostrar o seu talento (vai)

    Que o Helipa, é, baile de favela
    Que a Marcone, é, baile de favela
    E a São Rafael, é, baile de favela
    E os menor preparado tudo pra dançar com ela (vai)

  • Gabriel Wickbold/Divulgação

    "Malandramente", de Dennis, Nandinho e Nego Bam

    O funk "Malandramente", de Dennis, MC Nandinho e Nego Bam, foi adaptado para tocar nas rádios. A frase "Ai, safada, na hora de ganhar madeirada" foi simplesmente eliminada da letra.

    Versão proibidona
    Ai safada!
    Na hora de ganhar madeirada
    A menina meteu o pé pra casa
    E mandou um recadinho pra mim
    Nós se vê por aí
    Nós se vê por aí

    Versão light
    Ai safada!
    (verso eliminado)
    A menina meteu o pé pra casa
    E mandou um recadinho pra mim
    Nós se vê por aí
    Nós se vê por aí

  • Divulgação

    "Bem Querer", MC Livinho

    O funkeiro MC Livinho mudou a letra de "cai com a bunda enfinca e vai" para "cai com a bunda e fica rebola e vai"

    Versão proibidona
    Meu bem querer
    Como é bom te ver
    É ruim demais
    A falta que tu faz
    Hoje tu tá de volta pra mostrar que é capaz
    Que é capaz
    Cai com a bunda, enfinca e vai

    Versão light
    Meu bem querer
    Como é bom te ver
    É ruim demais
    A falta que tu faz
    Hoje tu tá de volta pra mostrar que é capaz
    Que é capaz
    Cai com a bunda e fica rebola e vai

  • Reprodução

    "Sou Foda", dos Avassaladores

    Quando o grupo Avassaladores foi no "Caldeirão do Huck", eles mudaram a frase "sou foda" por "sou brabo".

    Versão proibidona
    Sou foda na cama eu te esculacho
    Na sala ou no quarto
    No beco ou no carro

    Versão light
    Sou brabo na cama eu te esculacho
    Na sala ou no quarto
    No beco ou no carro

  • Reginaldo Teixeira/CS Eventos Divulgação

    "Mama", de MC Catra e Valesca Popozuda

    O recorde de modificações é de Valesca Popozuda na música "Mama", feita em parceria com MC Catra.

    Versão Proibidona
    Quando eu te vi de patrão,
    De cordão, de R1 e camisa azul
    Logo encharcou minha xota
    E ali percebi que piscou o meu cu
    Eu sei que você já é casado,
    Mas me diz o que fazer
    Porque quando a piroca tem dona
    É que vem a vontade de fuder

    Mama,
    Pega no meu grelo e mama
    Me chama de piranha na cama
    Minha xota quer gozar,
    Quero dar, quero te dar

    Versão light
    Quando eu te vi de patrão,
    De cordão, de R1 e camisa azul
    Logo eu me apaixoei,
    percebi que você já não era mais um
    Eu sei que você já é casado,
    mas me diz o que fazer?
    Porque quando o amor bate forte
    E que vem a vontade de dizer!

    Ama
    Me ama de verdade
    Ama
    Me leva hoje para sua cama
    Eu preciso de você, minha vontade é te dizer