Topo

Música

Gaitista James Cotton morre aos 81 anos

Divulgação
Imagem: Divulgação

17/03/2017 08h40

James Cotton, pioneiro do blues interpretado com a gaita, que superou a pobreza para introduzir seu instrumento no mundo do rock americano, morreu na quinta-feira aos 81 anos. 

O artista, vencedor de um Grammy, com uma carreira de mais de 60 anos e que nunca deixou de fazer shows, inclusive quando teve câncer de garganta, doença que o obrigou a parar de cantar na década de 1990, morreu em consequência de uma pneumonia em um hospital de Austin, Texas, informou seu empresário. O músico esteve no Brasil em 2013 para quatro apresentações. 

Cotton ganhou fama em Chicago como integrante da Muddy Waters Band e durante a década de 1960 sua gaita despertou a curiosidade dos hippies que desejavam explorar as raízes blues do rock.

Ele abriu shows para Janis Joplin e Grateful Dead, além de ter colaborado com o Led Zeppelin.

O músico cresceu trabalhando em uma plantação de algodão do Mississippi e ficou órfão aos nove anos. Mas sua mãe já havia apresentado a gaita, com uma versão barata do instrumento para imitar os sons das galinhas e do trem.

Ele ouviu o pioneiro do blues com a gaita Sonny Boy Williamson II na rádio e foi levado por um tio para assistir o mestre, que virou seu mentor.

Cotton, que morou nos últimos anos em Austin, lançou seu último álbum em 2013, "Cotton Mouth Man", uma obra semi-autobiográfica sobre sua origem.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!