PUBLICIDADE
Topo

Janet Jackson não participará de tributo para Michael

A cantora Janet Jackson durante apresentação no Royal Albert Hall, em Londres (30/06/2011) - Reuters
A cantora Janet Jackson durante apresentação no Royal Albert Hall, em Londres (30/06/2011) Imagem: Reuters

29/08/2011 16h30

LOS ANGELES (AP) - Janet Jackson disse nesta segunda-feira (29) que não vai participar do concerto tributo planejado para seu irmão mais velho Michael no País de Gales, porque o show coincide com o julgamento do médico acusado na morte do rei do pop, Conrad Murray. 

Com apenas uma frase em sua declaração, a cantora não criticou o show, como fizeram seus irmãos Jermaine e Randy, mas cita o caso do tribunal como sua razão para não participar. "Por causa do julgamento, o tempo de esta homenagem ao nosso irmão seria muito difícil para mim", diz. A declaração foi feita no dia em que Michael completaria 53 anos.

Os organizadores de "Michael Forever - A Tribute Concert" têm se esforçado para listar grandes nomes para a apresentação e têm sido criticados por fãs por várias razões, dentre elas, o valor dos ingressos.

O show está agendado para 08 de outubro, em Cardiff, País de Gales, e a mãe do cantor, Katherine, e alguns de seus filhos estão se programando para participar. 

Christina Aguilera, Smokey Robinson, e Cee Lo Green são os nomes listados como maiores shows até agora. Os organizadores tiveram de rescindir uma oferta com a banda Kiss depois de fãs observarem que o vocalista Gene Simmons tinha criticado duramente o cantor pop ao longo dos anos. 

O julgamento de homicídio involuntário do Dr. Conrad Murray está programado para começar em 27 de setembro. Murray, que se declarou inocente, pode pegar até quatro anos de prisão se for condenado. 

As autoridades alegam que ele deu a Michael Jackson uma dose letal do anestésico propofol e outros sedativos no quarto de sua mansão alugada, em 25 de junho de 2009.

Música