Música

Com 6,3 bilhões de cliques, Ed Sheeran é o mais ouvido no Spotify em 2017

Manuela Scarpa/Brazil News
Ed Sheeran canta em show no Allianz Parque, em São Paulo Imagem: Manuela Scarpa/Brazil News

Madri (ESP)

05/12/2017 17h11

O cantor britânico Ed Sheeran entrou para a história ao aparecer em primeiro lugar entre as preferências dos usuários do Spotify em 2017, assim como depois de terminar o ano como o artista mais seguido, com 6,3 bilhões de reproduções, e também como autor da canção (Shape of You) e do álbum (Divide) mais ouvidos.

A plataforma "streaming" de música informou nesta terça-feira que, além disso, o "hip-hop" e a música latina foram os gêneros predominantes, o que foi sentido especialmente na Espanha, onde Daddy Yankee foi o artista mais seguido e a canção "Despacito" a mais ouvida (Luis Fonsi).

O panorama internacional esteve dominado, mais uma vez, pelos artistas anglo-saxões, com destaque para o segundo lugar do rapper canadense Drake, após ter sido o número 1 em 2015 e 2016.

O "top 5" fica completo também com o cantor canadense The Weeknd, o músico de hip-hop californiano Kendrick Lamar e o dueto nova-iorquino de DJs e produtores The Chainsmokers.

Nenhuma mulher figurou nos primeiros postos, com Rihanna ficando novamente como a mais ouvida no Spotify, à frente de Taylor Swift, Selena Gómez, Ariana Grande e Sia.

Superando Imagine Dragons e Maroon 5, o Coldplay apareceu como o grupo com mais reproduções, em parte pelo sucesso da sua canção junto com o The Chainsmokers "Something Just Like This", que foi a quarta mais escutada em 2017, um posto acima de "I'm the One", do DJ Khaled com Bieber, Quavo, Chance the Rapper e Lil Wayne.

E embora "Despacito" não tenha conseguido superar "Shape of you" (a canção mais popular da história de Spotify com 1,4 bilhão de reproduções), ficou na segunda e terceira posições desta classificação graças às duas versões em circulação, a que foi gravada junto com Justin Bieber (em segundo lugar) e a original (em terceiro lugar).

Por último, no que se refere a discos, as 3,1 bilhões de reproduções de "Divide" o colocaram na frente de "More life", de Drake, "DAMN", de Kendrick Lamar, "Starboy", de The Weeknd e "Stoney", de Post Malone.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

do UOL
Blog do Matias
do UOL
EFE
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Chico Barney
do UOL
Adriana de Barros
Adriana de Barros
do UOL
do UOL
do UOL
DW
Adriana de Barros
do UOL
do UOL
UOL Música - Imagens
do UOL
Adriana de Barros
do UOL
AFP
Chico Barney
do UOL
UOL Música - Imagens
do UOL
UOL Música - Imagens
Adriana de Barros
do UOL
Adriana de Barros
UOL Entretenimento
do UOL
Adriana de Barros
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Adriana de Barros
do UOL
UOL Entretenimento
do UOL
UOL Música - Imagens
do UOL
Topo