PUBLICIDADE
Topo

Personalidades comentam morte de cantor Emílio Santiago

Do UOL, em São Paulo

20/03/2013 08h18Atualizada em 20/03/2013 16h01

A morte de Emílio Santiago gerou diversas mensagens carinhosas de seus amigos, parceiros musicais e admiradores em geral, que reconheceram o talento do cantor carioca.

Amiga de Emílio, Alcione foi ao hospital na manhã desta quarta-feira (20) assim que soube da notícia. A cantora, porém, pouco falou com a imprensa.

"Eu o vi pouco antes de ele ser levado para o CTI. Passei a mão no braço dele e falei: ‘Estou aqui’. Ele respondeu: 'Que bom, minha irmã'", disse Alcione.

Já no velório do cantor, a atriz Daisy Lúcidi lamentou a perda do amigo. “Acompanho ele desde o concurso no Flávio Cavalcanti, no final de fevereiro. No aniversário dele, ele falou no meu programa na rádio Nacional. Me surpreendi hoje, é uma perda irreparável. Não só pela voz maravilhosa, mas pela figura humana que ele é. Vim para prestar essa homenagem. Lamento muito. Estou muito triste”, disse a atriz.

O cantor Djavan também repercutiu a morte do amigo. “Meu Deus, que pecado. O Emílio era uma pessoa da maior qualidade e um dos maiores cantores que já ouvi. Eu vou sentir muito a sua falta. Que descanse em paz", disse por e-mail para o UOL.

O baterista Azael Rodrigues, que tocou com Emílio em um festival em 1985, disse ao UOL que a apresentação foi "arrepiante". "Foi só aquele maravilhoso Festival dos Festivais da Globo em 1985 (rede Nacional, a eliminatória de Porto Alegre, que por coincidência revelou Leila Pinheiro, toquei com ela também). Ensaiamos algumas vezes e ele ganhou o prêmio de melhor intérprete cantando 'Elis, Elis', um arranjo que o Cesar [Camargo Mariano], que tinha sido casado com ela, fez especialmente para o Emílio. Arrepiante".

A ministra da Cultura Marta Suplicy também divulgou um comunicado, ressaltando a importância do cantor carioca: "Emílio Santiago, com sua voz e presença de palco marcantes, sempre figurará entre os mais importantes artistas da música brasileira. Com o Brasil, estou de luto".

Outros artistas, músicos, políticos e celebridades repercutiram a morte do artista, de apenas 66 anos. Veja as mensagens nas redes sociais:

Ed Motta, cantor:

 

Glória Perez, autora de "Salve Jorge" (Globo):

 

Aguinaldo Silva, autor de novelas:

 

Maria Rita, cantora:

 

Paula Lima, cantora:

 

Daniela Mercury, cantora:

 

Luciana Mello, cantora:

 

Jair Oliveira, músico:

 

Marina Lima, cantora:

 

Péricles, músico:

 

Antonio Grassi, ator:

 

Paula Lavigne, produtora:

 

Gabriel Chalita, deputado federal pelo PMDB:

 

Astrid Fontenelle, apresentadora:

 

Manno Goes, músico:

 

Lucas Lima, músico:

 

Patrícia Maldonado, apresentadora:

 

Gominho, apresentador de TV:

 

Tom Cavalcante, comediante:

Rafael Vannucci, filho da cantora Vanusa: