Topo

Música


"Hoje temos barba na cara", diz guitarrista do Restart sobre mudanças e nova turnê

Thiago Azanha

Do UOL, em São Paulo

02/05/2013 07h00

É com "barba na cara" que os integrantes do Restart estreiam no próximo domingo (5), em São Paulo, o show da Turnê 2013. No palco da casa HSBC Brasil, a banda subirá com um novo foco: o cenário pop internacional de artistas como Justin Bieber e One Direction.

Três músicas inéditas serão incluídas no repertório, entre elas o recém-lançado single "Cara de Santa".  A outra música, provisoriamente intitulada "Renascer", tem levada de balada. E a última, ainda sem título, é uma canção de festa que brinca com o fim do mundo. Mesmo assim, PeLu descarta o lançamento de um novo álbum, e alega: "O formato disco tem ficado muito ultrapassado".

Não temos mais 17 anos. Hoje temos barba na cara

Pe Lu, vocalista e guitarrista da Restart

"Estamos crescendo no nosso jeito de ser. Não temos mais 17 anos. Hoje temos barba na cara. Quando começamos, não precisávamos fazer a barba", brincou PeLu, vocalista e guitarrista da banda, falando ao UOL por telefone. "Estamos nervosos para subir ao palco e apresentar o novo show com músicas inéditas".

Quando lançaram o álbum "Geração Z", em 2011, os integrantes deixaram de lado as calças coloridas e começaram a usar roupas mais escuras. Agora, segundo PeLu, as mudanças não serão somente no figurino. "A galera assustou quando mudamos o visual pela primeira vez. Sempre gostamos de criar looks para os momentos da banda. Cada capa é um visual diferente, mas as mudanças não serão exclusivamente na cor. Podemos usar uma calça mais larga, um tênis diferente ou um novo corte de cabelo".

O guitarrista disse que se baseia num cenário mais pop na composição das novas músicas da banda. "A canção 'Cara de Santa' tem uma pegada mais pop, baseada na invasão desse cenário pop internacional no gosto do brasileiro, a exemplo do que faz o One Direction e Justin Bieber, que possuem um público com a faixa etária parecida com a nossa".

Outros bandas e artistas que servem de inspiração para a Restart são John Mayer, Philip Philips, Foo Fighters e Oasis. "Nos últimos três meses ouvi 50 discos. Quando você é musico e compõe, tudo o que escuta acaba influenciando de alguma forma, seja na melodia ou na letra. Todos os músicos estão aptos a novas influências", afirmou o guitarrista.