PUBLICIDADE
Topo

"Parece que estou em férias", diz Beyoncé sobre turnê pelo Brasil

Thays Almendra

DO UOL, em Fortaleza (CE)

08/09/2013 20h01

Vestida com um shorts jeans e uma camiseta bem à vontade, Beyoncé entrou sorrindo e desfilando suas pernas exuberantes no encontro marcado com dez jornalistas brasileiros, antes do primeiro show de sua turnê "Mrs. Carter Show" no Brasil, neste domingo (8) em Fortaleza (CE). A diva do pop respondeu a somente três perguntas, previamente selecionadas por sua produção. Ela falou sobre maternidade, retorno ao Brasil - depois de passagem em 2010 - e a importância de fazer uma mistura de boa música e mega produção.

Meu sonho sempre foi conciliar a carreira com a maternidade, mas sabia que isso é muito difícil para qualquer mulher.

Apaixonada pelo Brasil, Beyoncé contou que trouxe sua filha de um ano e oito meses, Blue Ivy, junto com ela. A cantora se diz “muito feliz em poder oferecer outra cultura e outros hábitos para a criança”. “O Brasil é um dos meus lugares preferidos, pelo espírito e pela paixão que o povo tem. Estou me sentindo muito feliz e sinto que não estou trabalhando, parece que estou tirando férias”, declarou ela com empolgação.

A diva americana, que deu à luz em janeiro de 2012, afirmou que sabia do peso que uma criança poderia dar em sua carreia. “Meu sonho sempre foi conciliar a minha carreira com a maternidade, mas sabia que isso é muito difícil para qualquer mulher”, afirmou. Após o show desta noite, Beyoncé se apresenta em Belo Horizonte, no Mineirão, no dia 11; em São Paulo, no Estádio do Morumbi, no dia 15; no Rio de Janeiro, no Rock in Rio, no dia 13; e em Brasília, no Estádio Nacional, no dia 17.

Durante a entrevista, Beyoncé contou que a turnê “Mrs. Carter Show” é a maior que já fez e na qual mais investiu desde o início de sua carreira solo em 2003, logo após deixar o grupo Destiny’s Chlid. “Sempre procuro o que tem mais de tecnológico, mas o que conta é óbvio que é a minha energia no palco, a minha conexão com a multidão. Eu gosto dessa mistura de Broadway, músicos, balé, tudo junto. Gosto de trazer sempre elementos novos para os fãs”, disse ela.

Trabalho social
Além da imprensa, Beyoncé recebeu jovens da ONG Central Única das Favelas do Ceará (Cufa). Emocionadas e muito felizes, nove felizardos tiveram a oportunidade de passear pelo backstage, abraçar, conversar e “fazer coração com as mãos” com a diva.

“Ela foi um amor com a gente. Fez coração com as mãos com a gente. Foi muito emocionante. Depois disso, eu vou para o show arrasar”, disse o fã Gleydson Rodrigues, de 15 anos, que faz parte do projeto que passa por comunidades carentes de todo o Estado.

Já para Samantha Nascimento, 14, Beyoncé foi "como uma segunda mãe" para eles. “Nunca imaginei que ela passaria tanto amor para nós”, contou a garota, que chorou o tempo todo que esteve ao lado da cantora.

No último dia 31, o UOL acompanhou e transmitiu a apresentação da cantora no Budweiser Made in America Festival, na Filadélfia (EUA). A turnê "Mrs. Carter Show" tem mais de 2h de duração, mas o show que ela apresentou no festival norte-americano foi uma versão reduzida de 90 minutos, que excluiu o já famoso ato em que ela voa por cima do público, pendurada em cabos de aço.

Mesmo sem os artefatos, ela mostrou o que todo mundo já sabe: Beyoncé é linda, talentosa, bem-sucedida, dona de habilidades vocais invejáveis e dança como só Beyoncé sabe dançar, numa combinação de poder, graça e elegância.