Topo

Música


Morre o último integrante da formação original dos Ramones, Tommy Ramone

Reprodução/Twitter/RamonesOfficial e Stephen Lovekin/Getty Images
Imagem: Reprodução/Twitter/RamonesOfficial e Stephen Lovekin/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

12/07/2014 04h38Atualizada em 14/07/2014 20h52

Tommy Ramone, ex-baterista e produtor de uma das bandas mais influentes da história do punk, Ramones, morreu nesta sexta-feira (11) de colangiocarcinoma (câncer no ducto biliar), em sua casa, em Nova York. De acordo com o site da revista Variety, o último integrante sobrevivente original tinha 62 anos e estava em cuidados paliativos da doença após um tratamento. 

Nascido na Hungria como Erdelyi Tamas, ele participou dos três primeiros álbuns da banda – "Ramones" (1976), "Leave Home" (1977) e "Rocket to Russia" (1977) – e co-produziu os dois últimos álbuns com Tony Bongiovi e Ed Stasium, respectivamente. Também compôs dois grandes sucessos como "I Wanna Be Your Boyfriend" e "Blitzkrieg Bop". Logo em seguida, ele deixou o grupo para focar na carreira de produtor e deu seu lugar a Marc Bell (Marky Ramone), um ex-membro da Dust and Richard Hell’s Voidoids.

A última formação dos Ramones se desfez em 1996 em Hollywood. Joey Ramone morreu de linfoma em 2001; Dee Dee sucumbiu a uma overdose de drogas em 2002; e Johnny faleceu após enfrentar um câncer de próstata em 2004. O grupo entrou para o Hall da Fama do Rock and Roll em 2002.

Em 2004, Tommy voltou aos palcos com o show "Ramones Beat Down On Cancer" e, mais recentemente, fazia parte da banda "Uncle Monk" cujos integrantes eram ele e Claudia Tienan, uma guitarrista, baixista e vocalista. 

O Twitter oficial da dos Ramones também anunciou a morte de seu lendário baterista. "Estamos tristes em anunciar o falecimento do baterista fundador dos Ramones, Tommy (Erdelyi) Ramone".

Está previsto um funeral reservado apenas para familiares e amigos.

Música