PUBLICIDADE
Topo

Música


Revelação mexicana, cantor Ariel Camacho morre aos 22 anos

O cantor Ariel Camacho, que morreu no México - Reprodução
O cantor Ariel Camacho, que morreu no México Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

26/02/2015 14h58

O cantor mexicano Ariel Camacho, de 22 anos, revelação do gênero popular "grupera", morreu em um acidente automobilístico em uma estrada do Estado de Sinaloa, no México, após deixar um show. A informação é da agência Associated Press.

O músico, também conhecido em partes dos Estados Unidos, excurcionava como convidado da banda Clave Azul. Ainda não foram esclarecidas as circunstâncias do acidente de Camacho, que, segundo a agência, estava com outras três pessoas no veículo.

Camacho divulgava o repertório de seu primeiro álbum, "El Karma", gravado com a banda Los Plebes del Rancho. Suas performances, sempre munido de violão e chapéu, ganharam popularidade via YouTube.

"Meu coração está despedaçado", diz em comunicado Angel Del Villar, diretor da gravadora Del Records, que trabalhava com o cantor. "Ariel era como um filho para mim. Eu sabia que ele iria transformar o gênero no México e nos Estados Unidos. Milhões de pessoas se tornariam fãs e teriam a chance de conhecê-lo. Enviamos nossas condolências às famílias de todos os envolvidos no acidente."

Música