Topo

Música

Aviões do Forró lança álbum ao vivo gravado em parque aquático; ouça

Rodolfo Vicentini

Do UOL, em São Paulo

28/08/2015 18h04

O grupo cearense Aviões do Forró lança nesta sexta-feira (28) o álbum “Pool Party dos Aviões”, gravado em um parque aquático de Fortaleza. O projeto conta com a participação dos fãs e está disponível com exclusividade no UOL Música Deezer.

Com 13 anos de estrada, a banda é, ao lado de Calcinha Preta, um dos expoentes do forró eletrônico, uma leitura moderna da música tradicional nordestina.

Lançado também em DVD e composto por faixas inéditas, o trabalho ao vivo foi gravado no Beach Park, considerado o maior do tipo na América Latina, e contou com uma gigantesca produção. Confira a entrevista exclusiva dos vocalistas Solange e Xand ao UOL.

UOL - O novo trabalho foi lançado nesta sexta no UOL Música Deezer. Falem um pouco mais sobre o "Pool Party do Aviões".
Solange - É um projeto audacioso. Fizemos uma Pool Party no Beach Park, inspirada nas grandes festas de Ibiza e Las Vegas. E os nossos diretores, tanto de vídeo (Joana Mazuchelli) quanto musical (Dudu Borges), foram audaciosos com a gente.

Vocês acham que o forró ainda está crescendo no país? Qual o caminho que vocês veem para continuar ampliando o alcance do gênero?
Xand - O caminho é sempre se reinventar. E o forró é um gênero que sempre está em ascensão, nunca sai de moda, e está em alta mais do que nunca. Os shows são totalmente profissionais com a mesma estrutura usada pelos astros internacionais.

Reprodução
Imagem: Reprodução
O Aviões do Forró é uma das referências quando se fala em forró eletrônico. O que a banda ainda espera conseguir?
Solange -  A gente sempre se faz essa pergunta (risos). Mas o nosso objetivo é sempre superar as nossas expectativas e as dos nossos fãs. Sempre achamos que já fizemos quase tudo, mas sempre surge uma novidade. Assim foi a Pool Party. Quando surgiu o projeto de um novo DVD, tínhamos mil e uma ideias em mente mas todas já haviam sido executadas, e Xand participou de uma dessas festas em Las Vegas e deu a ideia. E a galera abraçou geral o projeto.

O que vocês ouviam quando eram pequenos?
Xand - Eu sou fã de Roberto Carlos e Luis Gonzaga. Eu tive a oportunidade de conhecer o Luis,  na cidade dele, no Exu. Acho q me inspirei bastante neles e ouço até hoje.

Solange - Caramba... eu sempre fui à frente do meu tempo. Quando tinha cinco anos, eu já era ouvinte assídua da MPB, principalmente as musicas de Clara Nunes e Guilherme Arantes.

E como surgiu essa oportunidade de formar a dupla?
Xand - Eu cantava numa banda pequena da minha cidade, e fui convidado para fazer um teste para uma banda nova, em Fortaleza, que tinha o nome de Aviões do Forró. Quando cheguei, fiz o teste e fui aprovado,  nem acreditei com quem iria cantar. Eu já era fã da Solange, gostava dela através das bandas que ela havia cantado. De lá até hoje é uma sintonia sem explicação entre a gente. Acho que deu certo porque na época as bandas tinham até sete vocalistas e de repente surge uma banda com apenas dois vocalistas...

O Garota Safada deixou o forró de lado um pouco e estão chegando no sertanejo. Vocês já pensaram em mudar o som ou arriscar algum outro estilo?
Xand - Mudar o som não, reciclar sim e é o que a gente tem feito nos últimos anos. O nosso DVD é um exemplo, ele traz uma nova sonoridade, mas preservando o forró que é a nossa identidade, a identidade do Aviões. E foi com ele que chegamos ao reconhecimento.