PUBLICIDADE
Topo

Rock in Rio abre os portões para a edição 2015; entrada começa organizada

Do UOL, em São Paulo

18/09/2015 14h11Atualizada em 18/09/2015 20h28

A organização do Rock in Rio 2015 abriu os portões da Cidade do Rock com cinco minutos de atraso, às 14h05. A entrada para o primeiro dia do evento, nesta sexta (18), ocorreu de maneira organizada, mas lenta, já que muitas pessoas que estavam na fila tinham que se desfazer de garrafas de água, desodorantes, perfumes e outros objetos proibidos.

Com um calor de 38 graus, a proibição da água gerou reclamação entre o público e fez a organização mudar o procedimento, permitindo a entrada com garrafas sem tampa.

A carioca Fernanda Vieira e a amiga Barbara Simonsen reclamaram da proibição de garrafas d'água, que depois foram liberadas pela organização - Marcela Ribeiro/UOL
A carioca Fernanda Vieira e a amiga Barbara Simonsen reclamaram da proibição de garrafas d'água, que depois foram liberadas pela organização
Imagem: Marcela Ribeiro/UOL

"Isso é um absurdo, porque eles querem cobrar R$ 5 lá dentro", disse a carioca Fernanda Vieira, acompanhada da amiga Barbara Simonsen. "Com um calor desses, a gente não pode entrar com água". Elas trouxeram água de casa e beberam rapidamente e jogaram no rosto para poder entrar, antes da organização liberar as garrafinhas.

O início do primeiro show desta sexta está marcado para as 15h15, no Palco Sunset, com a banda Dônica e o músico Arthur Verocai. A principal atração é o Queen, que fecha a noite no Palco Mundo com Adam Lambert nos vocais, lembrando o histórico show da banda na primeira edição do Rock in Rio, em 1985.

 

 

Há 30 anos, Freddie Mercury regeu uma plateia de mais de 200 mil pessoas cantando a música “Love of My Life".

 

Além do Queen, ainda no Palco Mundo, a produção reservou o primeiro dia para também relembrar os 30 do primeiro festival. O show de abertura vai contar com vários artistas homenageando as três décadas do Rock in Rio. No repertório, estarão os hits das bandas mais icônicas que já passaram por lá. Já o palco Sunset contará com uma homenagem à Cássia Eller. A artista fez em 2001 uma memorável apresentação.

Ao todo, serão sete dias de festival com mais de 150 atrações. Os ingressos para todos os dias já estão esgotados. A Cidade do Rock foi montada no mesmo local onde ocorreram as edições de 2011 e 2013, no Parque dos Atletas, (avenida Salvador Allende, s/n°, em frente ao Riocentro).

* Com reportagem de Marcela Ribeiro, no Rio

Música