Topo

Música


De batom, brincos e turbante, músico de Araraquara se destaca no YouTube

Divulgação
O músico Liniker, de Araraquara, lança seu primeiro trabalho, o EP "Cru" Imagem: Divulgação

Felipe Branco Cruz

Do UOL, em São Paulo

06/11/2015 06h00

O visual nada ortodoxo do músico Liniker, 20, chama a atenção. Mas bastam dois ou três acordes da música "Louise Du Brésil" para perceber que o cantor, natural de Araraquara, é mais do que isso. Gravado ao vivo na sala de casa, a faixa faz parte de seu EP de estreia, "Cru", lançado recentemente com influências de samba-rock, soul e black music.

"Venho de uma família musical. Meus tios sempre tocaram samba lá em casa. Minhã mãe dança samba-rock. Cresci com isso", disse ao UOL. Além de cantar, Liniker também está estudando teatro e desde o ano passado mora em Santo André, no ABC paulista, onde cursa a ELP (Escola Livre de Teatro).

O visual pode ser conferido nos vídeos das faixas “Louise Du Brésil”, “Zero” e “Caeu”, divulgadas há duas semanas no YouTube e no Facebook do artista. Neles, Liniker está de batom, brincos de argolas, colar, turbante e uma saia longa. Somados, os clipes já foram vistos mais de três milhões de vezes.

“Eu me visto desta forma naturalmente porque é como me sinto à vontade. É a maneira que encontrei para quebrar alguns paradigmas sociais. Tenho o corpo masculino, mas não quero definir um gênero social”, diz. “Não é porque uso saia, batom, brinco ou maquiagem que eu preciso ser homem ou mulher. Estar vestido deste jeito é mostrar um corpo político. Podemos ser livres independentemente do que estamos usando”.

O projeto do EP começou a ser feito em dezembro do ano passado. Entre fevereiro e julho, a banda se encontrou para ensaiar e preparar as músicas. O lançamento do EP e dos vídeos ocorreu em 15 de outubro. “O resultado é simples e íntimo. Queríamos que as pessoas se sentissem próximas da gente”, explica.

Nas composições é possível perceber as influências que permearam a formação musical de Liniker. “Sou fã de Originais do Samba, Paula Lima, Clube do Balanço, Etta James, Nina Simone, Tulipa Ruiz. Sou plural”.

A banda que acompanha Liniker é formada por Guilherme Garboso (bateria), Márcio Bortoloti (trompete/trombone), Paulo Costa (baixo), Rafael Barone (baixo/guitarra), Willian Zaharanszki (guitarra), além de Bárbara Rosa, Ekena Monteiro e Renata Santos nos backing vocals.

Embora seus vídeos tenham viralizado na internet, Liniker ainda não tem nenhum show marcado. “Estamos nos organizando para começar as apresentações em dezembro ou janeiro do ano que vem. Além das três faixas do EP, estamos terminando de compor outras novas que seguirão o mesmo estilo".