Topo

Música


Casa é alvo de ataques em Paris durante show do Eagles of Death Metal

Reuters
13.nov.2015 - Polícia socorre feridos na casa de shows Bataclan, em Paris, durante show da banda Eagles of Death Metal; local foi alvo de ataques Imagem: Reuters

Do UOL, em São Paulo

13/11/2015 20h51Atualizada em 13/11/2015 23h05

A onda de ataques em Paris, na noite desta sexta-feira (13), atingiu a tradicional casa de espetáculos Le Bataclan, onde a banda norte-americana de garage rock Eagles Of Death Metal se apresentava, com ingressos esgotados. Segundo a polícia francesa, pelo menos cem pessoas foram mortas dentro do local e três terroristas foram mortos pela polícia. 

Internautas relataram no Twitter que o grupo estava se apresentando no palco no momento em que começou o tiroteio. Cerca de 2.000 pessoas estavam presentes na casa. No Facebook, o Eagles of Death Metal se manifestou dizendo que ainda estão em busca de todos os integrantes de sua equipe. "Nós ainda estamos tentando garantir a segurança e o paradeiro de todos da nossa banda e da equipe. Nossos pensamentos estão com todas as pessoas envolvidas nesta situação trágica", escreveram.

 

We are still currently trying to determine the safety and whereabouts of all our band and crew. Our thoughts are with all of the people involved in this tragic

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

situation.

Posted by Eagles Of Death Metal on Sexta, 13 de novembro de 2015

A banda Eagles Of Death Metal, que vai se apresentar em abril de 2016 em São Paulo, no festival Lollapalooza, tem entre seus integrantes Josh Homme, vocalista e guitarrista da banda Queens of the Stone Age. Ele, porém, não estava excursionando nesta turnê pela Europa.

A rádio KESQ informou que o vocalista do EODM, Jesse Hughes, escapou do Bataclan por uma porta de emergência. Mary Lou Dorio, mãe do baterista Julian Dorio, falou ao jornal "The Washington Post" que o filho está a salvo. O guitarrista Dave Catching também está seguro, segundo o Twitter de sua outra banda, Mojave Lords. 

O grupo francês Red Lemon também publicou em sua página no Facebook um texto dizendo que os músicos norte-americanos não foram feitos reféns e que conseguiram deixar o local de táxi. 

A banda norte-americana Deftones, que também está em Paris, tinha três shows agendados na Bataclan a partir de sábado. No Facebook, eles agradeceram o apoio. "Obrigado por toda a preocupação com nosso bem-estar. A banda e equipe estão a salvos neste momento. Rezem por todos os afetados nessa tragédia".

O presidente François Hollande disse que os ataques estão sendo tratados como terrorismo e informou que o país está em estado de emergência.

 

#eaglesofdeathmetal #labataclan #paris #wannabeinla

A photo posted by Zsuzsa Kover (@zsuzsulla) on

 

La châleur et le ronron des guitares. #bataclan #gig #eaglesofdeathmetal

A photo posted by VV. (@vvaah) on