Topo

Entretenimento


"Eu não queria gravar", diz Gusttavo Lima sobre o sucesso "Balada Boa"

Do UOL, em São Paulo

2016-10-13T03:18:32

13/10/2016 03h18

Conhecido nacionalmente pelo hit “Balada Boa”, Gusttavo Lima estranhou quando ouviu pela primeira vez o refrão “tche tcherere tche tchê”. Em entrevista ao “Programa do Porchat” desta quarta-feira (12), o cantor admitiu que não acreditava no sucesso da música.

“Eu não queria gravar esse hit. A gente ia gravar o DVD meia-noite, e eu recebi a música às 18h. Como que eu ia produzir uma música em cima da hora? Não tinha tempo. Eu não sabia nem a letra”, revelou o cantor.

Composta por um cantor baiano, “Balada Boa” sofreu muita resistência de Gusttavo Lima. O cantor disse que só decidiu gravar a música após ser convencido pelo seu antigo empresário.

“A gente estava indo para um estilo mais romântico. Eu falava para o meu empresário: “Cara, não tem nada a ver essa música”. Ele insistiu para gravar. Ele dizia que se não ficasse legal, a gente tirava do DVD”, revelou.

Amigo de Neymar, Gusttavo Lima reconheceu que recebeu uma “ajudinha” do jogador para se tornar nacionalmente conhecido. Na época do lançamento de “Balada Boa”, o atacante, que na época jogava no Santos, comemorava seus gols dançando o famoso hit do sertanejo.

“Eu devo muito a ele. Sempre fomos muito amigos. Agora estamos distantes porque ele está em Barcelona. Mas ele sempre foi um grande divulgador da minha música”, disse o cantor.

Alfinetada em Zeca Camargo
Questionado por Porchat sobre sua relação com Zeca Camargo, Gusttavo Lima foi sincero na sua resposta. Amigo de Cristiano Araujo, o cantor disse que não gostou da crítica que o jornalista fez sobre a comoção que a morte do sertanejo causou nos brasileiros.

“Eu respeito muito o Zeca pelo profissional que ele é, mas ele desdenhou do Cristiano, fez pouco caso com um menino que estava conquistando o Brasil inteiro. Esse é o problema de muitas pessoas que moram de frente para o mar e de costas para o Brasil. As pessoas têm que estar mais atualizadas e respeitar a todos. Ninguém é melhor do que ninguém”, disse o cantor.

Mais Entretenimento