PUBLICIDADE
Topo

"Perdi um amigo amado", diz Elton John sobre morte de George Michael

Elton John lamenta a morte do amigo - Divulgação
Elton John lamenta a morte do amigo Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

25/12/2016 21h58Atualizada em 26/12/2016 12h48

A morte precoce de George Michael aos 53 anos pegou muita gente de surpresa na noite deste domingo (25). Elton John foi um dos primeiros artistas que se pronunciou oficialmente. O cantor publicou uma foto ao lado de George.

"Estou profundamente chocado. Perdi um amigo amado – a alma mais gentil, mais generosa e um artista brilhante. Meu coração está com sua família e todos os seus fãs”, escreveu na legenda de uma foto em que aparecem juntos.
 
Andrew Ridgeley, ex-parceiro de George no Wham!, disse que vai amá-lo para sempre em suas redes sociais.
 
"Coração partido com a perda do meu amado amigo Yog. Eu, seus entes queridos, seus amigos, o mundo da música, o mundo em geral. Amado para sempre". Yog é um apelido de Michael, que significa "Yours Only George".
 
Madonna lamentou a morte do amigo compartilhando um vídeo no qual entrega para Michael o prêmio Video Vanguard no VMA de 1989. “Ele é um ótimo compositor e faz vídeos muito classudos – assim como eu”, diz ela no clipe, antes de recebe-lo no palco com um abraço.

“Adeus, meu amigo. Outro grande artista nos deixa. 2016 pode ir embora AGORA?”, escreveu a artista.

Paul McCartney publicou uma foto com Michael e lembrou a experiência de trabalhar com ele: "A doce soul music de George Michael vai continuar vivendo mesmo após sua morte repentina. Tendo trabalhado com ele em várias ocasiões, seu talento sempre brilhou e seu senso de humor autodepreciativo tornava a experiência ainda mais prazerosa". 
 
O Dj e produtor musical Mark Ronson também falou sobre a morte do cantor. "Além de um fenômeno pop global, George Michael foi um dos verdadeiros grandes artistas britânicos do soul. Temos uma dívida impagável com ele. Adeus George", escreveu.
 
O guitarrista Nile Rodgers viu a mensagem de Ronson e respondeu que se encontrou com George há poucos dias. "Hey Mark, isso é uma loucura. Eu estava na casa dele na manhã do dia 23. Loucura", escreveu.
 
David Guetta lamentou a partida precoce de George. "Último Natal para um cantor incrível que partiu cedo demais".
 
O grupo Duran Duran ficou surpreso com a notícia. "2016 - perda de outra alma talentosa. Todo nosso amor e simpatia à família".
 
Nos Estados Unidos, o presidente da Recording Academy (entidade que entrega os prêmios Grammy), Neil Portnow, afirmou que estava "profundamente entristecido" com a morte do artista.

"Durante uma carreira influente que se estendeu ao longo de quase quatro décadas, George se tornou um dos mais queridos e respeitados artistas", disse Portnow.

"Desde seu enorme sucesso com o duo pop Wham! até sua influente carreira solo, seu talento extraordinário teve um profundo impacto em inúmeros artistas ao redor do mundo, e suas contribuições criativas viverão para sempre", completou.
 
Lindsay Lohan escreveu um texto emocionado para falar da partida do amigo. "Meu amor. Meu espírito e meu coração está com você e seus entes queridos. Em suas belas palavras - 'Eu acho que você é incrível'. Você é meu amigo que eu dizia que cantaria no meu casamento... Nos falaremos em nossas orações sempre - eu te tenho como um anjo. Eu te amo, querido. Obrigado por inspirar tantas pessoas verdadeiramente".
 
Ellen DeGeneres também lamentou a perda. "Acabei de saber da morte do meu amigo George Michael. Ele era um talento brilhante. Estou muito triste".
 
Miley Cyrus agradeceu Michael por sua contribuição em favor da comunidade LGBTQ. "Sinto sua falta! Obrigado pelo seu ativismo radical na comunidade LGBTQ! Te amo sempre! "
 
Bryan Adams publicou uma mensagem bastante abalado. "Não posso acreditar. Um cantor incrível e um ser humano adorável, muito jovem para nos deixar".
 
Liam Gallagher pareceu não acreditar quando soube. "É melhor isso não ser verdade sobre George Michael", escreveu no Twitter.
 
A cantora brasileira Maria Rita também fez uma série de postagens sobre o cantor. "Mais dor e saudade prum coração… que ano", lamentou.
 
O cantor Robbie Williams disse: "Oh Deus, não... te amo, George... Descanse em paz".
 

Política

As homenagens também vieram do mundo político, já que George Michael manifestou, ao longo de sua carreira, posições políticas de esquerda.

A organização Stonewall, que luta por direitos da comunidade LGBT, disse: "RIP, George Michael. Você inspirou muitos e sua música vive no coração da nossa comunidade. Sentiremos muito a sua falta".

O prefeito de Londres, Sadiq Khan, disse que George Michael "trouxe alegria a milhões" e o líder opositor trabalhista Jeremy Corbyn elogiou o artista por seu "grande apoio" aos direitos dos gays e dos trabalhadores.

A modelo Naomi Campbell também destacou o ativismo do cantor. "Minhas condolências à família e aos entes queridos, você nunca vai saber quantas vidas tocou com sua voz emocionante e sua luta pelos direitos LGBT".

*Com informações das agências BBC e AFP

 

I am in deep shock. I have lost a beloved friend - the kindest, most generous soul and a brilliant artist. My heart goes out to his family, friends and all of his fans. @GeorgeMichael #RIP

Uma foto publicada por Elton John (@eltonjohn)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

em

 

No words. RIP George. Bri

Uma foto publicada por Brian Harold May (@brianmayforreal)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

em

Sinto sua falta! Obrigado pelo seu ativismo radical na comunidade LGBTQ! Te amo sempre!