Lollapalooza

Indie, pop, rock pesado: saiba o que assistir nos dois dias de Lollapalooza

AgNews/UOL/Divulgação/Getty Images/Montagem
Strokes, Metallica, The Chainsmokers, Martin Garrix e The Weeknd Imagem: AgNews/UOL/Divulgação/Getty Images/Montagem

Do UOL, em São Paulo

24/03/2017 12h00

Comprou o ingresso e ficou perdido com tanta banda? Acontece. Apesar do DNA alternativo, o Lollapalloza é um imenso caldeirão de sons, estilos e tendências. 

Como de costume, o festival trará este anos sons para vários tipos de gosto: do indie rock ao metal, do rap à música eletrônica e do pop a artistas nacionais.

Por causa dessa diversidade, separamos abaixo seis estratos sonoros que podem servir de guia para aproveitar o melhor de cada um desses gêneros ou apenas um deles.

Lembrando que as apresentações acontecem neste sábado (25) e domingo (26) no autódromo de Interlagos, em São Paulo. Ainda há ingressos disponíveis.

Indies

Divulgagação
O grupo americano The Strokes, que volta ao país após seis anos para tocar no Lollapalooza Imagem: Divulgagação

É inegável o protagonismo dos Strokes no Lollapalooza Brasil deste anoao menos indie. Se a banda já não é mais o que há de mais fresco e “cool” no rock,  Julian Casablanca e cia prometem ao menos apagar a má impressão deixada nas passagens anteriores pelo Brasil. Olhos e ouvidos ligados também para os irlandeses do Two Door Cinema Club, que costumam entregar bons espetáculos. Ambos os grupos apresentam no domingo. No sábado, a boa é conferir o The xx e a volta do Cage the Elephant ao festival. O show do The 1975, que vem divulgando o bem-sucedido “I Like It When You Sleep...”, também promete.

Rock pesado

Fernando Maia/UOL
James Hetfield, do Metallica, que trará clássicos do heavy metal ao festival Imagem: Fernando Maia/UOL

Estranho em um ninho alternativo, o Metallica é uma das grandes estrelas deste Lolla. O grupo estreou na versão americana do festival ainda em 1996 e vem com regularidade ao Brasil. Mas esta talvez seja uma ótima chance para quem gosta da banda e não é lá muito chegado em heavy metal. Se seu gosto por distorções pender para o punk/harcore, haverá ainda o show do Rancid. Para ouvintes de hard rock, o mais indicado é o da banda brasileira Doctor Pheabes. Curte peso e tem "mente aberta"? Vá sem medo ao show do BaianaSystem. Todos essas apresentações rolam no sábado.

Pop

Divulgação
A dupla de DJs e produtores de Nova York The Chainsmokers Imagem: Divulgação

Se o pop atual é sua praia, uma boa pedida é conferir a nova turnê do The Chainsmokers no país. O duo americano, o que já gravou com o Coldplay, apresenta uma sonoridade bem eletrônica, mas com aquela "good vibe” tão familiar aos fãs de Chris Martin e cia. No mesmo dia, vale uma espiada na sueca Tove Lo, que retorna ao Brasil com dois novos álbuns de estúdio no bolso. É saudosista dos anos 1980? Cumpra seu "dever cívico" e compareça ao show do Duran Duran no domingo. Também no domingo pode ser interessante conferir o pop denso e colorido da americana Melanie Martinez.

Eletrônico

Divulgação
O DJ holandês Martin Garrix, de 20 anos, considerado o "número 1" do mundo Imagem: Divulgação

O Lollapalooza vem se consolidando como um grande “guarda-chuva” para artistas da música eletrônica. Este ano, os nomes aparecem em profusão e espalhados pelos dois dias. Recomendamos: o DJ e produtor australiano Flume, vencedor do Grammy com seu bom álbum “Skin”; e o holandês Martin Garrix, hoje o DJ número 1 do mundo. O polêmico israelense Borgore também deve chamar atenção com suas misturas de dubstep e EDM, assim como o brasileiro Vintage Culture, considerado o segundo DJ brasileiro da atualidade. Todos esses shows, exceção feita ao Vintage Culture, acontecem no domingo.

Rap/R&B

Pascal Le Segretain/Getty Images
The Weeknd, que vem pela primeira vez ao Brasil para se apresentar no Lolla Imagem: Pascal Le Segretain/Getty Images

Será a primeira vez do canadense The Weeknd no Brasil. O cantor do hit "Can't Feel My Face", que vem ajudando a renovar o R&B, fará, no domingo, uma das apresentações mais aguardadas (e dançantes) desta edição do Lollapalloza. Já o show do rapper Criolo, que volta ao festival após quatro anos, também deve ser concorrido, no sábado. No mesmo dia, também haverá o incensado rapper G-Eazy. Agora, se você gosta mesmo é de um som nacional, e sem as tantas misturas promovidas por Criolo, talvez o grupo brasileiro Haikaiss tenha sido agendado especialmente para você.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Música
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Mulher - Moda
do UOL
Música
UOL Música
do UOL
do UOL
do UOL
TV e Famosos
UOL Música - Imagens
do UOL
TV e Famosos
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Música
do UOL
UOL Música - Imagens
do UOL
UOL Música - Imagens
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Música - Imagens
UOL Música - Imagens
UOL Música - Imagens
do UOL
do UOL
TV e Famosos
do UOL
do UOL
TV e Famosos
UOL Música - Imagens
Topo