Topo

Música

Jerry Adriani tem melhora e é transferido para semi-intensiva, diz amigo

Reprodução/Facebook
Jerry Adriani em imagem feita pelo amigo, o também cantor José Roberto de Sá Imagem: Reprodução/Facebook

Do UOL, em São Paulo

17/04/2017 17h27

Internado em estado grave desde o dia 7 de abril na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital Vitória, no Rio, para tratar um câncer, o cantor Jerry Adriani, de 70 anos, apresentou melhora neste fim de semana e foi transferido para a unidade semi-intensiva.

A evolução de seu quadro tem sido acompanhada por amigos do artista. A família proibiu o hospital de divulgar informações sobre seu estado de saúde.

O também cantor José Roberto de Sá contou que foi visitá-lo no domingo de Páscoa e aproveitou para tirar uma foto do amigo em uma cadeira de rodas.

De acordo com seu relato no Facebook, Adriani recebeu telefonema de Roberto Carlos na semana passada e a visita de Erasmo Carlos durante o feriado, o que teria proporcionado ao artista “uma melhora vertiginosa”. O cantor tem feito fisioterapia e terá a sonda oral retirada na terça-feira (18).

No sábado, a cantora Claudia Telles também comemorou a melhora. “Beijei bastante a mão dele, falei do meu amor e do amor de todos vocês, da nossa corrente de oração e do quanto ele é amado por todos! Ele se emocionou, e fez um coração com as mãos em agradecimento a todos nós”.

Trombose e diagnóstico de câncer

Em março, Adriani o cantor foi internado por causa de uma trombose venosa profunda na perna direita, mas tranquilizou os fãs com um vídeo nas redes sociais. “Para que não se criem falsas verdades, a gente está dizendo que está tudo sob controle e logo, logo estaremos fora daqui para cantar de novo para você. Não vai demorar, se Deus quiser", disse o cantor. 

Duas semanas depois de receber alta, voltou a ser levado para o hospital devido a complicações. Após uma série de exames, ele foi diagnosticado com um câncer. A informação foi confirmada pela família do músico, que não especificou de qual câncer se trata. "A situação dele é gravíssima, é tudo que posso falar", afirmou o empresário Carlos Rosset ao UOL na ocasião. 

Batizado de Jair Alves de Souza, Jerry Adriani começou a carreira gravando canções em italiano, mas estourou mesmo durante a Jovem Guarda, nos anos 1960. Nos anos 1980, ele foi redescoberto pela nova geração, em muito pela semelhança de seu timbre vocal com o do cantor Renato Russo, de quem, inclusive, chegou a participar de show-tributo. Entre seus grandes sucessos estão "Querida", "Tudo o que É Bom Dura Pouco" e "Doce, Doce Amor", composta por Raul Seixas, que foi seu produtor.