Música

9 verdades e 1 mentira sobre Roberto Carlos no dia em que ele faz 76 anos

Francisco Cepeda/AgNews
O cantor Roberto Carlos Imagem: Francisco Cepeda/AgNews

Do UOL, em São Paulo

Roberto Carlos completa 76 anos nesta quarta-feira (19). Com uma vida marcada por décadas de sucessos, mas também polêmicas, o cantor é um ótimo personagem para a brincadeira que é a atual sensação no Facebook: nove verdades e uma mentira.

Os fatos são baseados em notícias e também nas histórias contadas na biografia "Roberto Carlos em Detalhes", do jornalista Paulo Cesar de Araújo. Apesar de estar fora de circulação por ter sido proibido pelo próprio cantor, o livro é resultado de 15 anos de pesquisa do autor e 200 entrevistas com pessoas que conviveram com Roberto Carlos. 

Fã ou não do cantor, é bem provável que você já tenha lido alguns desses fatos. Afinal, Roberto Carlos é figura constante na mídia desde os anos 1960. Consegue descobrir qual é a mentira da lista? Vamos lá:

  1. Passou mais de 30 anos sem cantar "Quero Que Vá Tudo Pro Inferno";
     
  2. Além de cantor, foi estrela de cinema nos anos 1960 e 1970 com os filmes "Roberto Carlos em Ritmo de Aventura", "Roberto Carlos e o Diamante Cor de Rosa" e "Roberto Carlos a 300 Quilômetros por Hora";
     
  3. Desapareceu em Nova York em 1968, no auge da Jovem Guarda;
     
  4. O ritual de distribuir flores à plateia começou em 1978 com cravos, e não rosas;
     
  5. Seu primeiro emprego foi como crooner em uma boate de Copacabana;
     
  6. Seu número preferido é o 5, e ele não gosta do número 13. Curiosamente seu nome tem 13 letras;
     
  7. Teve como segurança Sérgio Paranhos Fleury, delegado que mais tarde ficaria conhecido pela dura atuação na Ditadura Militar;
     
  8. Seu pai era um relojoeiro e sua mãe, costureira;
     
  9. Não assina contratos ou documentos importantes na lua minguante;
     
  10. Quando criança, frequentava a igreja vestido de caubói para imitar seu ídolo na época, o cantor Bob Nelson.

Já sabe? Se não descobriu, continue rolando a tela para descobrir a grande mentira desta lista.

I

I

I

Você quer mesmo saber?

I

I

I

É mentira:

3. Desapareceu em Nova York em 1968, no auge da Jovem Guarda

Reprodução
Capa do jornal "Notícias Populares" que noticiou o desaparecimento de Roberto Carlos em 1968... Era tudo mentira! Imagem: Reprodução

Há 49 anos, a mentira da lista até se passou por verdade durante 24 horas. Com o auge da Jovem Guarda, qualquer notícia de Roberto Carlos era válida. Em um dia fraco para manchetes, o editor do extinto Notícia Populares, orientou seu repórter a procurar o cantor e tentar alguma declaração dele. Mas ao ligar para Paulinho de Carvalho, diretor da TV Record, o repórter foi informado que não seria possível falar com Roberto Carlos, pois o cantor estava em Nova York. Assim nascia a manchete do jornal do dia seguinte. Um dia depois da manchete que levou os fãs ao desespero, o jornal teve de se retratar: "Acharam Roberto Carlos."

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
AFP
Reuters
do UOL
do UOL
EFE
do UOL
do UOL
do UOL
EFE
Da Redação
do UOL
UOL Música - Imagens
Blog do Barcinski
Adriana de Barros
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Blog do Matias
do UOL
do UOL
AFP
do UOL
do UOL
Blog do Matias
Música
do UOL
TV e Famosos
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Reuters
do UOL
Da Redação
do UOL
AFP
Adriana de Barros
do UOL
BBC
do UOL
do UOL
Reuters
do UOL
Topo