Música

Prince vendeu mais do que qualquer outro artista em 2016

Do UOL, em São Paulo

24/04/2017 16h43

Em 21 de abril de 2017, um ano após a morte de Prince, a Nielsen Music contabilizou que durante o período 7,7 milhões de álbuns e faixas do eterno músico foram vendidas apenas nos Estados Unidos.

Da quantia total, 2,3 milhões saíram em mídias físicas, enquanto 5,4 milhões foram adquiridos pela internet. Boa parte do estrondoso sucesso de vendas se deu entre abril e maio de 2016, quando foram registradas 5,7 milhões de obras comercializadas. 

Tais números representam quase 5,5 milhões de unidades a mais que Adele, por exemplo, tornando o autor de "Purple Rain" como o artista que mais vendeu em 2016.

Para se ter uma ideia, desde o início do levantamento pela Nielsen Music, em 2003, a quantidade de canções compradas pela internet apenas no último ano equivalem a quase 35% da pesquisa total.

O álbum campeão de vendas desde a morte de Prince foi "The Very Best of Prince" (668 mil cópias), seguido por "Purple Rain" (498 mil) e "1999"  (169 mil).

Contabilizando apenas este ano, o trabalho vencedor é a coletânea "4Ever", lançada em novembro de 2016, que já chegou à marca de 56 mil unidades distribuídas. Nesses quatro primeiro meses, a quantia de temas vendidos é duas vezes maior que os resultados do mesmo período no ano passado.

Entre os serviços de streaming, 2017 foi dominado por Prince, que já teve 66 milhões de faixas ouvidas. Caso os fãs do músico continuem empenhados em ouvi-lo, quase 300 milhões de canções serão reproduzidas.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

UOL Música - Imagens
do UOL
Adriana de Barros
Colunas - Flavio Ricco
do UOL
do UOL
do UOL
BBC Brasil - Cultura
do UOL
ANSA
UOL Música - Imagens
do UOL
do UOL
do UOL
Reuters
do UOL
do UOL
do UOL
Adriana de Barros
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Chico Barney
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Música - Imagens
do UOL
do UOL
Reuters
Adriana de Barros
Reuters
Música
do UOL
Adriana de Barros
Adriana de Barros
Adriana de Barros
AFP
Da Redação
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
EFE
Adriana de Barros
Topo