Música

"Música é o remédio que o mundo precisa", diz Ariana Grande em Manchester

Do UOL, em São Paulo

04/06/2017 20h25

A cantora Ariana Grande voltou a Manchester, no Reino Unido, para um show beneficente 15 dias depois do atentado terrorista que deixou 22 mortos e 116 feridos.

O espetáculo aconteceu no estádio de críquete de Old Trafford e contou com a participação de diversos artistas, como Justin Bieber, Katy Perry, Coldplay, Robbie Williams, Pharrell Williams, Miley Cyrus, Take That, Usher, the Black Eyed Peas, Little Mix e Niall Horan, do One Direction.

O público, segurando cartazes onde se podia ler "Para nossos anjos", fez um minuto de silêncio antes de Marcus Mumford, líder do grupo Mumford & Sons, iniciasse o espetáculo.

Em seguida, o grupo Take That entrou no palco e tocou as faixas "Shine", "Giants" e "Rule The World". Em seguida, o ex-colega de banda, Robbie Williams, se apresentou com os hits "Strong" e "Angel".

Pharrell Williams foi o próximo a cantar e interpretou "Get Lucky". "Eu não sinto o cheiro, ouço ou vejo qualquer medo neste lugar. O que eu sinto é que estamos aqui nesta noite com amor, resilientes, positivos".

Miley Cyrus entrou e disse que a maior responsabilidade que temos neste planeta é cuidar um do outro. Ela interpretou a faixa "Inspired".

Logo depois disso, Ariana Grande finalmente subiu ao palco e acompanhou quase todas as outras apresentações até o fim. Ela também apresentou diversos hits de sua carreira, como "Love Me Harder", "One Last Time", entre outras.

Os americanos do Black Eye Peas também se apresentaram e fizeram uma emocionante interpretação da faixa "Where is The Love" junto com Ariana Grande. Outro momento emocionante foi quando um coral de 24 alunos de uma escola de Manchester (alguns deles estavam no show de 22 de maio) que interpretaram juntos o hit de Ariana "My Everything".

Katy Perry agradeceu a coragem de Ariane. "Não é fácil escolher sempre o amor, é?", disse Katy. "Especialmente em momentos como esse. Mas o amor conquista o medo. O amor conquista a raiva. E esse amor que você escolheu dar é sua força. É o nosso maior poder", continuou.

Em seguida, Katy pediu para a plateia se abraçar e dizer para a pessoa ao lado "Eu Te Amo".

Depois de Katy, foi a vez de Justin Bieber se apresentar. O astro teen tocou apenas acompanhado de um violão e se emocionou ao falar com a plateia. "Que coisa incrível estamos fazendo nesta noite. Vocês concordam comigo que o amor sempre vence?", questionou. "A melhor maneira de lutar contra o mal é com o bem", afirmou. "Eu queria pedir um momento para honrar as pessoas que nós perdemos. Para os familiares, nós te amamos muito".

Chris Martin e sua banda Coldplay entraram em seguida e cantaram o hit do Oasis "Don't Look Back in Anger", além de "Fix You" e "Viva La Vida".

Liam Galalgher entrou no palco em seguida e cantou "Rock 'n' Roll Star" e sua nova faixa solo "Wall of Glass". Em seguida, o Coldplay retornou e cantou junto com Liam a faixa "Live Forever".

Ao final, bastante emocionada, Ariana subiu ao palco sozinha para cantar "Somewhere Over The Rainbow". "Música é o remédio que o mundo precisa", afirmou a cantora. 

Os lucros do evento serão doados para as famílias das vítimas. As 35 mil entradas que foram colocadas à venda na quinta-feira por 40 libras (51 dólares) foram vendidas em poucos minutos. Também havia 14.200 entradas grátis reservadas aos que estiveram no show de 22 de maio.

*Com agências internacionais

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
ANSA
UOL Música - Imagens
do UOL
do UOL
do UOL
Reuters
do UOL
do UOL
do UOL
Adriana de Barros
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Chico Barney
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Música - Imagens
do UOL
do UOL
Reuters
Adriana de Barros
Reuters
Música
do UOL
Adriana de Barros
Adriana de Barros
Adriana de Barros
AFP
Da Redação
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
EFE
Adriana de Barros
do UOL
Reuters
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Música
Topo