Topo

Música

Por "imprevistos", Justin Bieber cancela restante da turnê

Mariana Pekin/UOL
Justin Bieber se apresenta em São Paulo com a turnê "Purpose" Imagem: Mariana Pekin/UOL

Do UOL, em São Paulo

24/07/2017 16h21

Depois de somar 154 shows em estádios – sendo três deles no Brasil --, o cantor Justin Bieber cancelou o restante da turnê mundial "Purpose”. A nota oficial, divulgada nas redes sociais do astro, cita "imprevistos", mas não explica quais são.

"Devido a circunstâncias imprevistas, Justin Bieber vai cancelar o restante dos shows do 'Purpose World Tour'. Justin ama seus fãs e odeia decepcioná-los. Ele agradece seus fãs pela incrível experiência do 'Purpose World Tour' nos últimos 18 meses. Ele está grato e honrado por ter compartilhado essa experiência com sua equipe em mais de 150 shows bem sucedidos em 6 continentes durante esta jornada. No entanto, após uma cuidadosa consideração, ele decidiu que não vai se apresentar nas outras datas", diz a nota.

Segundo informações do "TMZ", não há nenhum motivo de força maior para o cancelamento. Uma fonte ouvida pelo site conta que o canadense "apenas não quer mais" continuar.

 

Lançada em 2016, a turnê de Bieber passou pelos principais países da África, América, Ásia, Europa e Oceania, repetindo uma cena que se tornou comum nas apresentações do canadense: Ingressos esgotados em pouco tempo e cenas explícitas de devoção por parte dos fãs. Estima-se que a turnê arrecadou mais de US$ 250 milhões em pouco mais de um ano na estrada.

Após se apresentar em Londres no último dia 2, o cantor tirou alguns dias de folga e voltaria aos palcos no sábado (29), na cidade americana de Arlington, no Texas. Além dos Estados Unidos, o cantor faria mais 15 apresentações no Canadá, Japão, Hong Kong, Filipinas, Singapura e Indonésia – onde encerraria a turnê em 10 de outubro.

O cancelamento foi anunciado dias depois de autoridades da China fecharam as portas para futuras apresentações de Bieber, por conta do "mau comportamento" do ídolo do pop.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!