Música

Luiz Melodia é sepultado sob aplausos e gritos de "Viva a cultura negra!"

Luna Vale

Colaboração para o UOL, do Rio

05/08/2017 10h39

Ao som de aplausos e dos versos de Pérola Negra, o cantor e compositor Luiz Melodia foi sepultado por volta das 11h deste sábado (5), no Cemitério do Catumbi, no Rio de Janeiro, cercado por familiares, amigos e fãs. O cantor morreu na madrugada desta sexta-feira em decorrência de um câncer na medula óssea. Ele estava internado no hospital Quinta D'Or.

O carro funerário chegou ao cemitério acompanhado por um cortejo que partiu da quadra da Escola de Samba Estácio de Sá, onde o corpo estava sendo velado. A procissão musical com cerca de 150 pessoas continuou até o local do sepultamento, ao som de clássicos do cantor como "Estácio Eu e Você", "Diz que eu fui por aí", "Pérola Negra" e "Estácio, Holy Estácio".

Regina Casé comentou sobre o amigo. "Ele era de uma elegância suprema. Talvez a pessoa mais elegante que já vimos. Claro que ele vai fazer uma falta enorme num momento de tanta deselegância e falta de leveza." Ao consolar a viúva, Jane Reis, se emocionou e fez questão de dizer o quanto tinha carinho pela família.

A mulher do cantor e o filho Mahal Reis, seguraram rosas brancas durante todo o cortejo. A viúva também carregava um livro do escritor Manoel de Barros e se emocionou quando começaram a cantar uma música religiosa. O corpo foi sepultado com os amigos e familiares cantando baixinho a música "Pérola Negra", acompanhados de trompete, pandeiro, violão e bumbo.

Antes de fecharem a sepultura, Jane disse "Vai em paz, meu amor". Gritos de "Viva a resistência negra desse país. Viva a cultura da favela" foram aplaudidos por alguns presentes. Em seguida, os familiares se juntaram aos músicos para uma alegre e emocionada homenagem ao cantor Melodia com o público cantando sucessos como "Estáacio, Holly Estácio", "Eu sou o Samba" e"Maracangalha".

"Meu pai sempre foi muito amoroso, sábio e inteligentíssimo. Ele deixou um legado humano e artístico infinito. Como ensinamentos, ele me deixou a nobreza do ser humano e como a pessoa deve se comportar. Ele era muito solidário.Tenho certeza que ele foi em paz e a homenagem não poderia ser diferente.", disse o filho Mahal.

A atriz Zezé Mota, muito emocionada, disse que Melodia era seu irmão de coração e seu ídolo. "Trabalhamos juntos. Foi uma amizade de mais de 40 anos. Não dá para comparar a obra dele. Ele é único, como pessoa e como poeta. Ele é muito especial. Nosso consolo é que a obra dele ficará conosco eternamente".

A irmã de Melodia, Vânia Fernandes disse que ele era mais do que um irmão. "Ele foi um amigo, meu companheiro, meu segundo pai, ajudou a me criar, pois sou a caçula de cinco irmãos", comentou, ressaltando que sempre participou da carreira do cantor. "Ele sempre me carregava junto nas viagens e me deixava fazer o que eu queria. Uma vez, quase coloquei fogo em um hotel", relembrou com saudades.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

do UOL
do UOL
TV e Famosos
TV e Famosos
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Música
do UOL
UOL Entretenimento
Música
do UOL
do UOL
Reuters
Chico Barney
do UOL
Reuters
do UOL
do UOL
do UOL
Música
do UOL
Blog do Matias
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Reuters
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Chico Barney
do UOL
do UOL
Topo