Topo

Música

Na lata! Anitta responde vereador que a chamou de "prostituta de quinta"

Divulgação
Anitta é capa da revista "Estilo" Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

02/09/2017 10h02

O Facebook ficou movimentado na noite de sexta (02) após Anitta responder as acusações do deputado Otoni de Paula, que a tinha chamado há alguns dias de "vagabunda de quinta" e "garota de programa".

Ao postar um vídeo em que fala que "toda mulher precisa ser respeita", o deputado recebeu inúmeras críticas e a própria cantora comentou: "Amore, já que toda mulher precisa ser respeitada você poderia apagar o post onde me chama de garota de programa sem nenhuma prova aparente baseado em um pré julgamento e um preconceito contra a sensualidade? Trabalho como cantora, empresária, coreógrafa e compositora. Obrigada. Boa noite".

A popstar ainda tinha escrito em outro post que "se o senhor me contratou para um programa e tomou bolo ou encontrou algum anúncio de programa meu em algum lugar e não conseguiu me contratar, sinto em informar que a culpa não foi minha".

Com centenas de defensores por parte da dona do hit "Paradinha", Otoni pediu desculpas à cantora pelo "termo 'vagabunda de quinta', que minha equipe acrescentou ao texto" e negou que a tenha chamado de "garota de programa", e sim "fiz uma pergunta mediante a foto que vi querendo ressaltar que esse tipo de foto está mais para uma garota de programa do que para uma profissional como você".

O político ainda reiterou que o não tem problema algum com Anitta, mas que "suas músicas e dança têm contribuído para a erotização de crianças e adolescentes por todo país".

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!