Topo

Música

Demitido da banda de Marilyn Manson, músico fala sobre acusação de estupro

Do UOL, em São Paulo

26/10/2017 10h48

Demitido da banda de Marilyn Manson, o baixista Twiggy Ramirez quebrou o silêncio e comentou sobre a acusação de ter agredido sexualmente uma namorada na década de 1990.

Reprodução/Facebook
Twiggy Ramirez e Marilyn Manson Imagem: Reprodução/Facebook
Ex-membro do Nine Inch Nails e A Perfect Circle, o músico afirmou que soube da acusação pela primeira vez agora, após 20 anos, e afirmou: “Não aprovo sexo não consensual de qualquer tipo”.

"Recentemente, tomei conhecimento dessas alegações há mais de 20 anos. Não aprovo sexo não consensual de qualquer tipo. Vou passar um tempo com minha família e me concentrar em manter meus vários anos de sobriedade. Se eu tiver causado qualquer dor, peço desculpas e realmente me arrependo”, declarou Ramirez.

No fim de semana a cantora de Jack Off Jill, Jessicka Addams, detalhou nas redes sociais que foi agredida e abusada pelo baixista na época em que eles eram namorados.

Com a revelação, Marylin Manson anunciou que ia substituir o música em sua banda. "Eu decidi encerrar a participação de Jeordie White como membro do Marilyn Manson. Ele será substituído na próxima turnê. Desejo sorte para ele", disse o cantor no Twitter.