Música

"Vou buscar ajuda profissional", diz Naldo, preso por agredir mulher

Reprodução/Mulher Moranguinho
O cantor Naldo e a Mulher Moranguinho Imagem: Reprodução/Mulher Moranguinho

Do UOL, no Rio

06/12/2017 16h15Atualizada em 06/12/2017 23h15

O funkeiro Naldo Benny, 38, foi solto nesta quarta (6) após pagar fiança. Ele havia sido preso acusado de agredir a mulher Ellen Cardoso, conhecida como Mulher Moranguinho, 36. A polícia foi à casa do cantor e encontrou ainda uma arma.

No último sábado (2), Ellen teria sido agredida com chutes, socos e puxões de cabelo, depois de uma briga por ciúmes. Ela fez exame de corpo de delito e saiu de casa. Segundo a delegada Viviane Costa, a ex-dançarina contou que as agressões acontecem desde o início do relacionamento, sempre motivado por ciúmes.

Segundo o UOL apurou, as brigas eram constantes e Naldo chegou a agredir a mulher na frente de outras pessoas.

A delegada cumpriu mandado de busca e apreensão e ele foi preso em flagrante. Em comunicado à imprensa, a delegada responsável informou ainda que foi encontrada sob posse do artista uma pistola calibre 7,65 e quatro munições.

Naldo e Moranguinho, que têm uma filha de três anos, começaram a se relacionar em 2010, nas gravações do clipe de "Chantilly", hit do funkeiro. Eles se casaram em 2013. Antes, Naldo era casado com a produtora Branka Silva, com quem teve o filho Pablo Jorge. 

No dia 1º, Naldo lançou seu novo show e clipe "Vai no Chão" no Royal Club, em São Paulo, ao lado do filho Pablo Jorge, o MC PJ, de 20 anos.

Arrependimento

Na noite desta quarta, a assessoria do cantor enviou um comunicado à imprensa "lamentando que o desentendimento familiar tenha tomado as proporções atuais" e, mais tarde, divulgou ainda um áudio no qual ele assume a culpa, pede desculpas e diz estar procurando tratamento psicológico.
 
"Quero pedir perdão à minha mulher. Dizer que vou lutar pela minha família. Estou extremamente, destruído, arrependido, quebrado, completamente machucado, arrasado, por tudo que aconteceu. Quero pedir pedir perdão aos meus fãs. Estou com uma saudade absurda da minha filha, da minha mulher", diz Naldo no áudio.
 

"Eu vou lutar pela minha família. Já estou em busca de ajuda com profissionais que possam me ajudar para que eu possa estar em condições de rever tudo que fiz. De ser um ser humano e homem melhor. De ser uma pessoal que possa ajudar quem passou por esse tipo de problema. Tenho fé em Deus que vou conseguir isso. Peço orações das pessoas que me amam, amam minha mulher e minha família (...) Em nome de Jesus, tenho certeza que vou dar a volta por cima."

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

do UOL
Adriana de Barros
Adriana de Barros
do UOL
do UOL
do UOL
DW
Adriana de Barros
do UOL
do UOL
UOL Música - Imagens
do UOL
Adriana de Barros
do UOL
AFP
Chico Barney
do UOL
UOL Música - Imagens
do UOL
UOL Música - Imagens
Adriana de Barros
do UOL
Adriana de Barros
UOL Entretenimento
do UOL
Adriana de Barros
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Adriana de Barros
do UOL
UOL Entretenimento
do UOL
UOL Música - Imagens
do UOL
do UOL
do UOL
Reuters
do UOL
Adriana de Barros
Adriana de Barros
Blog do Matias
do UOL
do UOL
do UOL
Topo