Topo

Música

Astro do K-pop Jong-hyun ganha homenagens pelo mundo; Brasil terá eventos

Do UOL, em São Paulo

20/12/2017 08h15

A morte de Kim Jong-hyun, aos 27 anos, deixou os fãs do cantor de K-pop e do grupo SHINee desolados. Diversas homenagens estão sendo feitas, e não apenas em Seul, na Coreia do Sul, onde ele morreu. O Brasil deve ter reuniões de fãs para uma homenagem ao jovem cantor, sendo uma no próximo sábado.

Em alguns países, o consulado da Coreia do Sul foi usado como base para reunir as fãs, que levaram velas, flores e outros objetos para dar um adeus ao cantor, conhecido como Jonghyun.

Fãs postaram homenagens em países como México, Chile, Rússia, Estados Unidos, Panamá, Filipinas e Argentina.

No Brasil, algumas reuniões de fãs foram marcadas. Neste sábado, um evento no bairro da Liberdade, reduto oriental em São Paulo, já tem 1,5 mil interessados, de acordo com a página criada no Facebook, com o nome “Fire Encontro Homenagem a Kim Jonghyun SHINee”.

“Jonghyun membro do SHINee nos deixou, estamos todos arrasados, em choque e saudosos. Mas acima de tudo é necessário união, nos darmos forças e demonstramos nosso amor por esta estrela que se foi, mas que deixou muita lembranças especiais em nossos corações”, diz a descrição do evento, que pede para os participantes levarem flores, velas, bexigas, usarem roupas claras e prevê que sejam cantados três hits do cantor.

No próximo dia 6 de janeiro um evento no Facebook está reunindo pessoas para um momento de homenagem na Quinta da Boa Vista, no Rio de Janeiro. Outros dois na mesma data estão marcados para Vitória (ES) e Curitiba (PR).

A polícia suspeita de suicídio. Kim deixou uma carta de despedida e, no apartamento em que estava, pedaços de carvão numa frigideira indicam que ele inalou gases que causaram sua morte.

Veja como foram as homenagens pelo mundo:

Chile

México

EUA

Argentina

Panamá

Rússia

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!