Música

Marca de roupas é obrigada a recolher camisas com letra de "Deu Onda"

Reprodução
Camisetas da marca Reserva com a letra da música "Deu Onda" Imagem: Reprodução

Felipe Branco Cruz

Do UOL, em São Paulo

11/01/2018 14h09

A marca de roupas Reserva foi obrigada nesta quarta-feira (10) em uma decisão liminar da Justiça a parar de vender as camisas com frases relativas à letra da música "Deu Onda", do MC G15. A faixa foi uma das mais tocadas no verão do ano passado e, segundo o advogado do músico, André Morrissy, a Reserva usou a letra sem autorização.

Além do recolhimento das peças, a liminar judicial também determinou a apreensão dos documentos contábeis da marca para descobrir o valor a ser pago ao artista. No site oficial da grife, a camisa está aparecendo como fora de estoque e, antes da decisão, estava sendo comercializada por R$ 99.

"A lei de direitos autorais é clara neste aspecto. É proibido explorar comercialmente e ganhar dinheiro em cima de uma obra autoral", disse o advogado por telefone ao UOL. "O artista não foi comunicado em nenhum momento de que sua obra seria usada desta maneira".

Reprodução
Reprodução do site da Reserva com as camisetas com letras da música "Deu Onda" Imagem: Reprodução

Ao todo, a marca usou a letra da música em dois modelos de camisa. No primeiro, ela faz uma brincadeira com a sua logo (um pica-pau) e forma a frase "Meu Pica-Pau Te Ama". Na segunda, está escrito a frase "O Pai Te Ama".

O advogado do MC G15 disse que ainda não sabe quanto vai pedir de indenização pelo uso indevido da música e que este número só poderá ser mensurado após ele ter acesso aos livros contábeis da marca e os números de camisetas vendidas.

Embora o funkeiro tenha dito ao advogado que não pretende autorizar a marca a usar a sua música em camisetas, ele não descarta um acordo no futuro. "Primeiros queremos entender quanto eles lucraram com isso", completou.

Vale lembrar que esta não é a primeira vez que a Reserva foi obrigada a parar de vender suas peças de roupa por uso indevido de letras de música. O outro caso ocorreu com a família do Tim Maia, em uma ação ajuizada pelo filho do cantor, Carmelo Maia. A Reserva usou as frases "Tomo Guaraná, Suco de Caju, Goiabada Para Sobremesa" e "Você e Eu, Eu e Você".

A Reserva foi procurada pela reportagem do UOL e por e-mail disse apenas que "as partes envolvidas já estão em contato para esclarecer o ocorrido".

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

do UOL
do UOL
Reuters
do UOL
Adriana de Barros
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Adriana de Barros
EFE
do UOL
do UOL
Adriana de Barros
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Adriana de Barros
Reuters
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Chico Barney
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Adriana de Barros
do UOL
do UOL
do UOL
BBC
do UOL
do UOL
Adriana de Barros
do UOL
AFP
do UOL
do UOL
do UOL
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Topo