Música

Selena Gomez revela vício em Instagram e diz sofrer com falta de autoestima

Getty Images
A cantora Selena Gomez Imagem: Getty Images

Jill Serjeant

De Nova York (EUA)

16/03/2017 17h57

A pop star Selena Gomez disse que cancelou sua turnê mundial no ano passado e foi fazer terapia por estar deprimida e ansiosa e porque "minha autoestima estava destruída".

Selena, que tem 24 anos e mais de 113 milhões de seguidores no Instagram, também revelou em uma entrevista publicada nesta quinta-feira que ficou transtornada com sua obsessão por redes sociais e que não tem mais o aplicativo do Instagram em seu celular.

"Assim que me tornei a pessoa mais seguida no Instagram, eu meio que pirei. Aquilo passou a me consumir muito. Acordava com aquilo e ia dormir com aquilo. Eu era viciada", contou ela à revista Vogue, cuja capa estampa na edição de abril.

A ex-cantora e atriz do canal Disney Channel rendeu manchetes em agosto, quando desistiu abruptamente de sua turnê mundial "Revival" dizendo que precisava de tempo livre para lidar com ataques de pânico e depressão.

Ela contou à revista "Vogue" que iniciou um programa de tratamento de três meses.

"Minha autoestima estava destruída. Estava deprimida, ansiosa. Comecei a ter ataques de pânico logo antes de subir no palco, ou logo depois de sair do palco. Basicamente, eu sentia que não era boa o suficiente, não era capaz. Sentia que não estava dando nada aos meus fãs, e que eles percebiam o que, acho, era uma distorção completa", disse.

Selena disse que também achava difícil à semelhança de outras estrelas jovens como Miley Cyrus e Lindsay Lohan se livrar de sua personagem atrevida do programa "Os Feiticeiros de Waverly Place", de seus tempos de Disney.

"Para os caras existe uma maneira de se rebelar que pode funcionar para eles. Mas parar as mulheres, isso pode sair pela culatra. É difícil não ser um clichê, a estrela infantil que deu errado."

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

do UOL
Adriana de Barros
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
AFP
do UOL
Adriana de Barros
Adriana de Barros
do UOL
do UOL
Adriana de Barros
do UOL
do UOL
do UOL
Adriana de Barros
do UOL
Adriana de Barros
do UOL
Adriana de Barros
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Adriana de Barros
do UOL
do UOL
Adriana de Barros
do UOL
UOL Música
do UOL
do UOL
Chico Barney
Música
AFP
Reuters
Da Redação
Reuters
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Música - Imagens
EFE
do UOL
do UOL
Topo