Topo

Música

Taylor Swift depõe pela primeira vez e fala em apalpada longa e intencional

Jeff Kandyba/Reuters
Desenho de Taylor Swift e seus advogados no tribunal federal de Denver, durante julgamento de agressão sexual Imagem: Jeff Kandyba/Reuters

Keith Coffman e Jann Tracey

De Denver

10/08/2017 14h25

A premiada cantora e compositora Taylor Swift disse em depoimento nesta quinta-feira (10) que foi alvo de uma "muito longa" e "intencional" apalpada por um radialista de Denver durante uma sessão de fotos quatro anos atrás.

Swift, de 27 anos, prestou depoimento pela primeira vez para o júri de um Tribunal Distrital, que decidirá entre sua acusação de que Mueller apertou suas nádegas durante uma recepção a fãs antes de um show em 2013 e a alegação do radialista de que ele foi falsamente acusado e consequentemente demitido de seu trabalho.

Uma das mais populares artistas da indústria musical dos Estados Unidos, Swift falou enfaticamente quando descreveu o incidente com Mueller.

"Foi um apalpada... uma apalpada muito longa", disse. "Foi intencional. Ele continuou agarrando meu bumbum."

"Eu senti ele apertando meu bumbum por baixo da minha saia."

TMZ
Taylor Swift na polêmica foto com o radialista David Mueller e a namorada dele Imagem: TMZ

Swift disse que o incidente aconteceu enquanto ela posava com Mueller e a namorada do radialista para uma foto.

Mueller, de 55 anos, disse em depoimento na terça-feira (8) que ele pode ter feito um contato físico inocente com Swift, talvez esbarrando seu braço ou torso, mas negou qualquer comportamento inapropriado.

Andrea Swift, que faz parte da equipe de empresários da filha, depôs um dia antes da filha, na quarta (9), e disse que a agressão "estilhaçou" a confiança da cantora.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!