UOL Música

Publicidade

02/10/2008 - 22h38
Com três prêmios, NX Zero é o grande vencedor do VMB 2008

Da Redação

Marcos Issa/Argos Foto

O NX Zero recebe o prêmio da categoria "Hit do Ano" no VMB

O NX Zero recebe o prêmio da categoria "Hit do Ano" no VMB


Atualizado às 02h13 em 3/10/08

Aconteceu nesta quinta-feira (2) a 14º edição do Vídeo Music Brasil o VMB, premiação anual da MTV Brasil. Na primeira edição em que os vencedores foram escolhidos com participação do público, o maior vencedor foi a banda paulistana da pop-rock NX Zero, que levou para casa três prêmios, nas categorias "Clipe do Ano", "Hit do Ano" (ambas com a música "Pela Última Vez") e "Artista do Ano".

A transmissão começou às 21h. Durante a primeira hora, os VJs da emissora entrevistaram convidados e prepararam o espectador para o que estava por vir. Até que às 22h começou a festa propriamente dita. Na abertura, Marcos Mion surgiu voando suspenso por balões, até cair e sair debaixo dos balões fantasiado de Vanessa da Mata. Seguiram imitações de Diego do Nx Zero, Mallu Magalhães, Chorão do Charlie Brown Jr, e Caetano Veloso.

Como sempre, os destaques foram as apresentações ao vivo. Ben Harper agradou ao público com o sucesso "Boa Sorte/Good Luck" ao lado de Vanessa da Mata; Marcelo D2 misturou bem as estéticas do samba e do hip hop com sua nova música "Desabafo"; o Nove Mil Anjos, de Júnior Lima (ex-Sandy e Júnior), Champignon (ex-Charlie Brown Jr), Peu (ex-Pitty) e o novato Peri fizeram sua tão esperada estréia; Pitty e Cascadura prestaram tributo à banda baiana Úteros em Fúria tocando a música "Inside The Beer Bottle"; o Bonde do Role apresentou sua nova formação em meio a halterofilistas seminus, emendando as músicas "Solta o Frango" e "Office Boy" com uma versão de "One More Time", do Daft Punk; encerrando a noite, Fresno e Chitãozinho e Xororó emocionaram a platéia interpretando juntos a balada "Evidências", da dupla.

O show que mais chamou a atenção foi, no entanto, o da banda britânica Bloc Party, não pela música, mas por estarem dublando. Na primeira música "Talons", algo estranha parecia estar acontecendo, mas na segunda, "Banquet", ficou evidente que se tratava de playback e, percebendo a reação da da platéia os integrantes começaram a zombar da situação. Acabaram saindo do palco sob vaias.

Além dos premiados, o público teve a oportunidade de escolher o que aconteceria em algumas partes da premiação, como quem seria imitado por Marcelo Adnet e o que Marcos Mion faria em seguida. A cada final de bloco, Adnet contava, em forma de música, o que havia acontecido no segmento anterior, na voz de gente como Sílvio Santos, Chorão e Cid Moreira.

Marcos Mion, por sua vez, foi obrigado pelo público a tirar a roupa. Terminou ao lado de seu sósia, "Mionzinho", inteiramente nu, exceto por um elefante de pelúcia sobre a genitália.

Outra eleição interessante foi a "Banda dos Sonhos", em que os próprios músicos presentes na premiação selecionaram colegas de diversas procedências para formar de uma banda na hora e tocar de improviso. Os escolhidos deste ano foram o baixista e o baterista dos Paralamas, Bi Ribeiro e João Barone, o guitarrista Chimbinha, da banda Calypso e, no vocal, Marcelo D2. O inusitado conjunto conseguiu encontrar um ponto comum no reggae e realizou uma jam session bem sucedida.

No que concerne as premiações, os dois nomes mais indicados, Mallu Magalhães e Cachorro Grande voltaram para casa de mãos abanando. A banda pop Strike, que no ano passado levou a categoria "Aposta MTV", foi premiada desta vez como "Banda Revelação". A "Aposta" deste ano foram os garageiros paulistanos do Garotas Suecas.

Entre as categorias mais importantes, as únicas que não ficaram nas mãos do NX Zero foram a de "Show do Ano", conquistada por Pitty e "Artista Internacional", ganha pela banda de pop-punk norte-americana Paramore.

Entre as premiações também foi prestada uma homenagem ao guitarrista do Sepultura, Andreas Kisser, que agradeceu com um solo ao vivo aos depoimentos em vídeo de artistas tão díspares quanto Roger Moreira do Ultraje a Rigor e a banda alemã de hard rock Scorpions, todos exaltando suas qualidades como músico.

A programação acabou após quase três horas, com um vídeo pré-gravado de "Furfles Feelings", de Marcelo Adnet, transformada em hit em seu programa humorístico, "15 Minutos". Nos moldes de "We Are The World", uma vasta seleção de artistas brasileiros aparece no clipe gravando a música num estúdio, encerrando o VMB 2008 no espírito participativo que marcou esta edição da premiação.



VENCEDORES DO VMB 2008

Clipe do Ano
Nx Zero - "Pela Última Vez"

Web Hit
"A Dança Do Quadrado"

Show do Ano
Pitty

Artista Internacional
Paramore

Aposta MTV
Garotas Suecas

Hit do Ano
Nx Zero - "Pela Última Vez"

Vc Fez
Fábio Vianna - "Uma Música"

Revelação
Strike

Artista do Ano
NX Zero


ÚLTIMAS NOTÍCIAS
16/06/2009

13h46- Aerosmith toca íntegra de disco clássico de 1975 em turnê

12h30- Primeiro festival de documentário musical começa dia 25 em São Paulo

12h15- Integrante da banda The Ventures, Bob Bogle morre aos 75 anos

12h07- http://img.uol.com.br/ico_assistir.gif Jeff Beck toca "Where Were You" ao vivo

12h05- http://img.uol.com.br/ico_assistir.gif Guitarrista inglês Jeff Beck toca "Big Block"

12h02- http://img.uol.com.br/ico_assistir.gif Clipe ao vivo de "Scatterbrain" com Jeff Beck

12h00- http://img.uol.com.br/ico_assistir.gif Jeff Beck toca "Goodby Pork Pie Hat" ao vivo

11h58- http://img.uol.com.br/ico_assistir.gif Jeff Beck toca "Led Boots" ao vivo em Londres

11h43- Spyro Gyra e homenagem a Carmen Miranda passam por palcos paulistanos

11h39- Violinista Hilary Hahn apresenta repertório erudito na Sala São Paulo

Mais Notícias