PUBLICIDADE
Topo

Justiça diz que não existem evidências de maus tratos contra B.B. King

Do UOL, em São Paulo

08/05/2015 09h56

Com problemas de saúde, B.B. King é centro de uma disputa judicial. Na quinta-feira, um juiz de Las Vegas negou a hipótese de que a lenda do blues poderia estar sofrendo maus tratos, segundo denúncia de três filhos do músico.

De acordo com a “NME”, a Justiça afirmou que não encontrou nenhuma evidência de que o guitarrista estaria sofrendo abuso. A decisão mantém a empresária Laverne Toney no controle legal dos negócios do músico de 89 anos.

Na corte, os irmãos Karen Williams, Rita Washington e Patty King afirmaram que Toney está roubando dinheiro e negligenciando as necessidades médicas de King, impedindo-os de ver seu pai no hospital. Segundo eles, até amigos famosos de King -- incluindo músicos Willie Nelson, Buddy Guy, Carlos Santana e Eric Clapton – não estavam conseguindo visitá-lo.

Toney e o principal advogado de King, Brent Bryson, negaram as acusações. "É tudo sobre dinheiro", disse Bryson. "O Sr. King já não foi capaz de fazer uma turnê neste momento em particular, por isso não há dinheiro entrando. A única maneira que eles podem obter dinheiro agora é mediante a apresentação de um tipo de ação frívola".

O médico do guitarrista, Darin Brimhall, disse no tribunal não vira nenhuma negligência ou abuso.

B.B. King foi hospitalizado há uma semana, após ter um pequeno ataque cardíaco. Segundo sua filha, Patty King, ele estava desidratado e sem comer. O caso é considerado grave, mas o músico já está recebendo tratamento em casa.