Música

A volta por cima de Selena Gomez: série e namoro pop reerguem jovem estrela

Mark Ralston/AFP
Em Los Angeles, Selena Gomez é cercada pelo elenco de "13 Reasons Why", série da Netflix que ela é produtora executiva Imagem: Mark Ralston/AFP

Do UOL, em São Paulo

25/04/2017 04h00

Selena Gomez nem parece a mesma pessoa de seis meses atrás. Há 180 dias ela era fotografada como uma anônima comprando sorvete em uma loja de conveniência durante uma escapada da clínica de reabilitação. Hoje a artista de 24 anos está nas manchetes por motivos bem diferentes: série em alta, músicas novas e coração quente.

O episódio da loja de conveniência foi um dos poucos flagras durante os 90 dias em que Selena Gomez passou reclusa para tratar a depressão e as crises de ansiedade, efeitos colaterais do lúpus, doença que a jovem artista descobriu há três anos.

"Minha autoestima estava destruída. Estava deprimida, ansiosa. Comecei a ter ataques de pânico logo antes de subir no palco, ou logo depois de sair do palco. Basicamente, eu sentia que não era boa o suficiente, não era capaz. Sentia que não estava dando nada aos meus fãs, e que eles percebiam —o que, acho, era uma distorção completa", disse em entrevista à Vogue americana, a qual estampou a capa da edição de abril.

A volta definitiva aos holofotes aconteceria em novembro durante uma premiação onde ela fez um discurso sincero e comovente: "Não quero ver seus corpos no Instagram. Quero ver o que está em seu coração", disse ela, que ainda detém o título de personalidade mais seguida da rede de fotos.

O retorno que pegou muita gente de surpresa marcava também o início de uma fase mais madura e surpreendente, mesmo com a estrela da música longe dos palcos e o rostinho fora da televisão. Selena Gomez investiu em outras habilidades, trabalhou nos bastidores e parece ter achado a fórmula para equilibrar as emoções e finalmente botar sua vida nos eixos.

Produtora da série do momento

Reproduçã/Instagram
Selena Gomez faz tatuagem em homenagem à "13 Reasons Why" com os atores Alisha Boe e Tommy Dorfman Imagem: Reproduçã/Instagram

Recentemente Selena Gomez tem aparecido com frequência nas manchetes, mas por bons motivos. Ela é uma das produtoras executivas da série mais falada do momento, “13 Reasons Why”, que gira em torno do suicídio de uma adolescente e aborda outros temas espinhosos como abuso sexual e bullying.

Participando dos eventos de divulgação, a estrela pop parece satisfeita em ampliar a discussão entre pais e adolescentes sobre problemas psicológicos e enfrentar seus próprios medos. “Eu queria que as pessoas se enxergassem naqueles personagens”, chegou a declarar em uma entrevista ao The Hollywood Reporter.

Para selar o bom momento e a discussão que conseguiu levantar com a série, Selena até tatuou com dois atores da série o símbolo de uma organização que ajuda pessoas com propensão a depressão e ao suicídio: um ponto e vírgula no pulso.

Músicas novas e álbum no forno

“13 Reasons Why” também estimulou Selena Gomez a divulgar músicas novas. “Only You” foi lançada exclusivamente para a série da Netflix e uma nova versão mais suave de “Kill Em With Kindness” também entrou na trilha da trama adolescente.

Selena Gomez também colaborou com o DJ e produtor norueguês Kygo na música "It Ain't Me". Lançada em fevereiro, a versão em áudio já bate 200 milhões de visualizações no YouTube. Lançado nesta segunda-feira (24), o clipe oficial da mesma música coroa a fase de boas novas.

Um terceiro álbum solo está no forno com previsão de sair ainda neste ano. As músicas teriam sido feitas durante a turnê de “Revival”, em 2016, justamente enquanto a ela lutava contra a depressão e a síndrome do pânico que a levaram a cancelar 34 shows (inclusive a passagem pelo Brasil) e ficar reclusa por cerca de 90 dias.

Namoro com The Weeknd

Reprodução/Instagram
Selena Gomez e The Weeknd Imagem: Reprodução/Instagram

Não dá para negar que em meio ao turbilhão de acontecimentos na vida de Selena, o namoro com The Weeknd fez muito bem para a estrela pop. Discretos, ela e o cantor canadense assumiram de vez a relação há apenas 10 dias. A oficialização veio com uma foto do casal abraçado no festival Coachella em um post para os mais de 118 milhões de seguidores dela no Instagram.

Juntos pelo menos desde o começo do ano, os pombinhos fizeram muito mistério antes de assumir de vez que estavam juntos. Os fãs piravam nas “dicas” que rolavam nas redes sociais. The Weeknd postava fotos com pedacinhos de Selena e vice-versa. E os paparazzi faziam a festa com as fotos dos dois juntos em viagens.

Rolou até uma passagem do casal pelo Brasil. Selena desembarcou em São Paulo com The Weeknd quando o cantor veio se apresentar no festival Lollapalooza, em março. E tratou de sair de fininho para a Argentina quando soube que o seu ex-namorado, Justin Bieber, chegaria ao Brasil na mesma época para dois shows. Já que está tudo tão bem, melhor não bater de frente com os monstros do passado.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

do UOL
do UOL
do UOL
Adriana de Barros
do UOL
TV e Famosos
do UOL
AFP
do UOL
do UOL
AFP
Adriana de Barros
Adriana de Barros
do UOL
Blog do Matias
do UOL
do UOL
AFP
do UOL
do UOL
do UOL
Adriana de Barros
do UOL
do UOL
Blog do Matias
Reuters
do UOL
do UOL
AFP
do UOL
do UOL
EFE
do UOL
do UOL
AFP
Reuters
do UOL
do UOL
AFP
Adriana de Barros
do UOL
AFP
Chico Barney
do UOL
do UOL
UOL Música - Imagens
do UOL
do UOL
AFP
do UOL
do UOL
Topo