Topo

Música

"É charlatão querendo atenção", diz Madonna após anúncio de cinebiografia

REUTERS/Shannon Stapleton
9.dez.2016 - Madonna posa no tapete vermelho do evento da Billboard, em Nova York Imagem: REUTERS/Shannon Stapleton

Do UOL, em São Paulo

25/04/2017 16h16

Madonna parece não ficado lá muito feliz com o anúncio de sua cinebiografia, que será produzida pelos estúdios Universal e ainda não tem data de lançamento. Em post no Instagram, a diva pop deu a entender que o filme não terá validade por simplesmente não ter seu dedo na produção.

“Ninguém sabe o que eu sei e o que eu vi. Só eu posso contar a minha história", alfinetou a cantora. "Qualquer outra pessoa que tenta é um charlatão e um tolo, querendo atenção sem fazer o trabalho. Essa é uma doença na nossa sociedade.”

O projeto, que ainda não escalou diretor nem elenco, será baseado no roteiro "Blonde Ambition", escrito por Elyse Hollander e incluído em 2016 na "black list" de Hollywood lista das melhores histórias não produzidas do ano.

A trama do longa começará no início dos anos 1980 em Nova York, quando, após passar anos na underground, a então iniciante Madonna conseguiu o primeiro contrato com uma gravadora e começou a trabalhar em seu álbum de estreia.

A trama retratará os bastidores da carreira da estrela, que no início teve de sofrer com o machismo da indústria, uma vida amorosa confusa e os desafios da perspectiva de sucesso, antes de se tornar uma das artistas mais influentes da música pop.

A produção do filme ficará a cargo de Michael De Luca (de "Cinquenta Tons de Cinza") e Brett Ratner, da RatPac Entertainment, que atuarão ao lado de John Zaozirny, da Bellvue Productions.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!