Topo

Música

Alok chama Rick Bonadio de arrogante após levar bronca por remix de Mamonas

Andre Muzell/Brazil News
Alok se apresenta no Festival de Verão de Salvador Imagem: Andre Muzell/Brazil News

Do UOL, em São Paulo

17/12/2017 23h50

Alok aproveitou sua participação no Festival de Verão de Salvador neste domingo (17) para comentar a treta recente envolvendo ele e Rick Bonadio, que criticou publicamente o remix dele de "Pelados em Santos"

"Alô Alok, o segundo acorde é um B menor e você colocou maior mesmo mantendo as melodias de voz e metais. Vamos arrumar isso? Conceito é uma coisa, falta de musicalidade é outra. Tá péssimo", escreveu o produtor.

"Achei que ele foi muito agressivo e desrespeitoso", disse o DJ em entrevista ao Multishow após sua apresentação no festival na Bahia. O jovem DJ ainda disse estar arrependido por ter respondido o produtor na hora. "Me arrependo porque a gente não tem que devolver com ódio. Não entendi porque ele me atacou tanto, parece algo pessoal", comentou Alok, sempre destacando que prefere manter vibrações positivas ao seu redor.

Rick Bonadio lançou os Mamonas Assassinas. Ele produziu e empresariou a curta carreira do grupo, que fez muito sucesso entre 1995 e 1996, até morrer em um trágico acidente de avião.

"Arrogante"

Alok admitiu que admirava bastante o trabalho de Rick Bonadio, responsável também por lançar grupos como o Charlie Brown Jr. (outra banda que Alok costuma incluir em seus sets), mas que hoje não sente mais admiração pelo produtor.

Lucas Lima/UOL
O produtor musical Rick Bonadio Imagem: Lucas Lima/UOL

"Ele foi arrogante e demonstrou falta de caráter. Mas no final essa situação foi boa, deu uma bombada na música", concluiu o DJ.

Alok ainda fez questão de lembrar que já fez remix até de músicas de Mick Jagger e que o músico inglês aprovou a versão e pediu, inclusive, para que ele mudasse alguns acordes, justamente o que foi criticado por Rick Bonadio.

Alok explicou que fez a mudança em "Pelados em Santos" para que a música combinasse mais com as pistas. A ideia do remix do Mamonas Assassinas era fazer uma homenagem ao grupo. "Eu era uma criança quando eles morreram, mas o grupo foi um ícone pra mim", explicou o DJ brasileiro de 26 anos.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!