Topo

Música


Guitarrista do The Kinks lembra encontro recente com Dolores: "Parecia bem"

Reprodução/Facebook
A cantora Dolores O'Riordan, do Cramberries, morreu aos 46 anos Imagem: Reprodução/Facebook

Do UOL, em São Paulo

2018-01-15T16:42:03

15/01/2018 16h42

A morte precoce da cantora Dolores O'Riordan pegou o mundo artístico de surpresa. A vocalista do The Cranberries morreu nesta segunda-feira (15) em Londres, aos 46 anos. A causa da morte ainda não foi divulgada.

O Duran Duran foi uma das primeiras bandas a divulgar uma nota de pesar. Dolores foi casada e tem três filhos com Don Burton, ex-agente de shows da banda inglesa.

"Estamos devastados com a morte de Dolores O'Riordan. Nossos pensamentos estão com a família neste momento terrível", divulgou o grupo em suas redes sociais.

Dave Davies, guitarrista e um dos líderes do The Kinks, também lamentou a morte da amiga. "Estou chocado que Dolores tenha morrido tão de repente. Conversei com ela algumas semanas antes do Natal e ela parecia feliz e bem --falamos até em escrever algumas músicas juntos. Inacreditável. Que Deus a abençoe."

O cantor Hozier também lembrou do legado da cantora do Cranberries: "A primeira vez que eu ouvi a voz da Dolores foi inesquecível. Me levou a pensar o que uma voz pode soar no contexto do rock. Eu nunca ouvi alguém usando seu instrumento dessa maneira. Chocado e triste ao saber que ela morreu, meus sentimentos estão com sua família".

O apresentador James Corden recordou da vez que encontrou a cantora quando ainda era jovem: "Eu encontrei Dolores uma vez quando tinha 15 anos. Ela foi simpática e amável, peguei o autógrafo dela na minha passagem de trem e isso fez o meu dia. Ela tinha uma voz e uma presença incríveis. Muito triste ouvir que ela morreu hoje".

"Eu ouvia The Cranberries com raiva dos meus pais e do mundo cantando bem alto no meu travesseiro. Estou muito triste ao saber da morte de Dolores", revelou a cantora norte-americana Ingrid Michaelson.

Trajetória

Com Dolores como vocalista, o Cranberries alcançou o estrelato internacional no começo dos anos de 1990 com sucessos como "Zombie", "Dreams" e "Linger", e vendeu mais de 40 milhões de discos em todo o mundo. Após se separar, em 2002, a banda irlandesa voltou a se reunir sete anos depois para iniciar uma turnê mundial de um ano, e em 2012 lançou o álbum "Roses".

Em abril do ano passado, o grupo lançou "Something Else", com versões acústicas de suas principais músicas e com a participação da Orquestra de Câmara Irlandesa, além de três novas composições. No mês seguinte, durante a turnê europeia, o Cranberries se viu obrigado a cancelar os demais compromissos devido aos problemas de saúde de Dolores.

A banda se apresentou no Brasil pela primeira vez em 2010. Dolores já havia passado pelo país em carreira solo em 2007.