Topo

Música

Após 3 meses, George Michael é enterrado em cerimônia particular em Londres

Neil Hall/Reuters
Seguranças fazem ronda no cemitério Highgate, em Londres Imagem: Neil Hall/Reuters

Sarah Mills e Marie-Louise Gumuchian

De Londres (Reino Unido)

29/03/2017 16h31

O cantor George Michael foi enterrado em um funeral privado em Londres nesta quarta (29), pouco mais de três meses após sua morte no dia de Natal, confirmou o empresário do artista.

Vários carros de luxo com janelas escurecidas estiveram no cemitério Highgate, no norte da capital inglesa, onde a mãe de Michael também está enterrada.

Nascido em Londres em 1963 como Georgios Kyriacos Panayiatou, filho de um pai imigrante cipriota grego e uma mãe inglesa, George Michael se tornou um dos músicos de maior sucesso da história do Reino Unido. À época de seu falecimento ele havia vendido mais de 115 milhões de discos em todo o mundo.

Em sua carreira na dupla Wham! e como cantor solo ele emplacou sucessos como "Wake Me Up Before You Go-Go", "Last Christmas", "Careless Whisper" e "Faith", conquistando legiões de fãs.

Neil Hall/Reuters
Carro entra no cemitério Highgate, em Londres, para o funeral de George Michael Imagem: Neil Hall/Reuters

Os muros externos do cemitério Highgate, que abriga luminares como o fundador do comunismo Karl Marx, o filósofo Herbert Spencer, o historiador Eric Hobsbawm e o cientista Michael Faraday, foram cobertos para restringir a visão da cerimônia.

"Familiares e amigos íntimos se reuniram para a cerimônia privada e discreta para dizer adeus a seu amado filho, irmão e amigo", disse comunicado da família do empresário do cantor, sem confirmar o local.

"A família de George Michael gostaria de agradecer seus fãs de todo o mundo por suas muitas mensagens de amor e apoio."

No início deste mês, um legista afirmou que o artista morreu de causas naturais.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!