Música

Festival Lollapalooza de 2014 será em abril no autódromo de Interlagos

Patrícia Colombo

Do UOL, em São Paulo

10/10/2013 10h35Atualizada em 10/10/2013 16h15

A edição de 2014 do festival Lollapalooza ocorrerá nos dias 5 e 6 de abril, no autódromo de Interlagos, confirmou a organizadora do evento durante coletiva de imprensa nesta quinta-feira (10).

O criador do festival, Perry Farrell, seguiu com a imprensa de trem até o local onde serão realizados os shows e deu a ideia de ter Wi-Fi e música nos vagões da CPTM. "Acho trem legal, cool", afirmou. O organizador ainda elogiou a velocidade do transporte e disse ser "uma ótima alternativa" para fugir do trânsito da cidade. Em grande parte do trajeto, Farrell foi sentado, acompanhado de seus seguranças.

A produtora Time for Fun (T4F) é a nova organizadora do festival, com contrato para os próximos cinco anos. Para 2014, a área dos shows foi ampliada, passando de 120 mil m² para 600 mil m². A expectativa para a próxima edição do evento é de trazer 140 mil pessoas e 80 shows. A organização promete palcos isolados, garantindo máxima qualidade de som. As atrações serão divulgadas entre os dias 23 e 30 de outubro.

Esta será a terceira edição do evento em São Paulo. A primeira ocorreu em 2012 e contou com 135 mil pessoas. A segunda, entre os dias 29 e 31 de março de 2013, recebeu 167 mil pessoas em três dias de festival. As duas foram no Jockey Club de São Paulo.

O Lollapalooza é um dos maiores festivais de música do mundo, segundo a companhia. Fundando em 1991 pelo líder da banda americana Jane's Addiction, Perry Farrell, o evento se tornou um ícone do movimento musical e cultural dos anos 1990. Em 2010, foi anunciada a estreia do Lollapalooza no exterior e, atualmente, o festival é também realizado em São Paulo, Santiago (Chile) e Tel Aviv (Israel).

Estrutura do Lollapalooza para 2014
 
De acordo com a organização, apesar de mais distante, o Autódromo de Interlagos contará com uma estrutura de transportes superior a dos anos anteriores, quando o evento foi realizado no Jockey Club, no bairro Cidade Jardim, na capital paulista. O público contará com trens, ônibus e estacionamentos para que possam chegar ao local. 
 
O festival terá início, em ambos os dias, às 11h e terminará às 23h – no sábado as linhas da CPTM encerram seu funcionamento à 1h e no domingo à meia-noite. O intervalo entre os trens da Linha Esmeralda (que se conecta à Linha-4 Amarela do metrô) é em torno de 6 minutos durante a semana e 8 minutos aos domingos. Durante o Lollapalooza 2014, que acontecerá no fim de semana, o intervalo será reduzido para 3 minutos nos horários mais críticos, como no encerramento do evento. A expectativa é que em torno de 22 mil pessoas consigam ir e voltar do festival de trem.
 
Para quem optar por ir de ônibus, serão 29 linhas com 25 ônibus cada uma. A expectativa é que consigam atender 30 mil pessoas. A organização do festival ainda informa que existe um projeto de criação de seis linhas expressas exclusivamente para o evento. Shopping SP Market, Estação Jabaquara, Shopping Center Interlagos, Aeroporto de Congonhas, Praça da República e Estação Trianon são os seis terminais que atendem a região do Autódromo de Interlagos.
 
Quer for de carro contará com um estacionamento em Interlagos com capacidade para 4 mil carros. Há o incentivo à “carona solidária”, para que cada carro transporte quatro pessoas e, dessa forma, a área possa atender a 16 mil pessoas, segundo cálculos divulgados. Haverá ainda bolsões de estacionamento ((CENU, Shopping D&D, Rochavera, Bento Branco, Nova América Office Park, Transamerica Expo Center,  (CENU, Shopping D&D, Rochavera, Bento Branco, Nova América Office Park, Transamerica Expo Center, Birman 9, Casa Burgos 1, Casa 1 Alicante, Ecoberrini e Landmark), com capacidade para 11 mil carros, próximos a algumas estações.
 
Durante a entrevista coletiva de imprensa, Perry Farrell destacou o interesse da organização em oferecer ao público o melhor também em termos de alimentação. Nada de poucas opções fixadas no fast-food: Perry disse que quer convocar alguns chefs locais conhecidos, como Helena Rizzo, para uma curadoria na área. Outro ponto no qual ele pretende investir - e que promete ser um grande diferencial em termos de comunicação nesta edição se comparada às anteriores - é a questão na interatividade. Há o interesse em investir em redes wi-fi gratuitas para que as pessoas possam divulgar suas experiências no Lolla pela internet.
 
Em entrevista exclusiva ao UOL após a coletiva, o líder do Jane’s Addiction e criador do Lollapalooza contou que quer que o evento tenha ainda mais a cara de São Paulo e que vai convidar Os Gêmeos, a dupla de grafiteiros internacionalmente conhecida, para auxiliar na parte estética e na decoração da infraestrutura que será montada no Autódromo. “Acho o trabalho deles incrível e essa ideia de convocá-los vai dar mais estilo ao evento. Ainda não falei com eles pessoalmente, mas esse é um dos projetos que tenho para 2014”, disse.
 
Conhecido por ser um festival bastante urbano e com a tradição de estar sempre localizado em regiões centrais e de fácil acesso nas cidades onde é realizado mundo afora, foi uma surpresa a todos quando as primeiras notícias acerca da possibilidade do evento no Autódromo começaram a circular na internet. “Foi uma decisão difícil, mas para que pudéssemos trazer a São Paulo as melhores bandas do mundo em atuação hoje precisaríamos aumentar muito mais o número de pagantes. E com o limite de 65 mil pessoas por dia imposto pelo Jockey Club isso não seria possível”, explicou Perry. “E não acho que saímos muito do conceito do Lollapalooza ser urbano, já que viemos de trem para cá em 15 minutos. Estamos querendo até colocar músicas dos artistas do festival tocando nos alto-falantes dos trens para que a experiência toda seja bem legal para as pessoas, desde a sua chegada ao festival.”
 

A edição 2013 em Chicago, nos EUA, teve The Cure, Mumford & Sons, Nine Inch Nails e The Killers como atrações principais.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
UOL Música - Imagens
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Música - Imagens
Adriana de Barros
UOL Música - Imagens
Colunas - Ricardo Feltrin
do UOL
do UOL
Da Redação
do UOL
Blog do Matias
TV e Famosos
do UOL
do UOL
Da Redação
do UOL
Reuters
do UOL
do UOL
EFE
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Entretenimento
do UOL
do UOL
UOL Entretenimento
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
EFE
do UOL
do UOL
do UOL
EFE
TV e Famosos
TV e Famosos
do UOL
do UOL
do UOL
Reuters
do UOL
do UOL
Topo