PUBLICIDADE
Topo

Slash diz não ter mais problemas com Axl e que volta ao Guns pode acontecer

Do UOL, em São Paulo

08/05/2015 17h08

O tempo parece ter sido o melhor remédio para os integrantes da formação original do Guns N' Roses. Depois de duas décadas de desentendimentos, Slash e Axl vivem hoje uma relação amistosa, e a possibilidade de uma reunião não está descartada. A novidade foi dada pelo próprio guitarrista, em entrevista à rede americana CBS.

“(Axl e eu) realmente não nos falamos há um tempo, mas muitas das tensões entre nós foram dissipadas. Não temos mais aqueles problemas. Não há controvérsia”, afirmou.

  • 45674
  • true
  • http://musica.uol.com.br/enquetes/2015/05/08/o-guns-n-roses-deveria-voltar-com-a-formacao-original.js?v=111

Após 11 anos na banda, Slash deixou o Guns N' Roses em 1996 para seguir em carreira solo e investir em vários projetos individuais, entre eles o Slash's Snakepit, Velvet Revolver e o Kings of Chaos. Desde então, não foram poucas as vezes em que trocou farpas via imprensa com o vocalista.

Sempre questionados pelos jornalistas, ambos descartavam com veemência qualquer possibilidade de reunião. Em 2013, Axl chegou a afirmar que Slash havia "conspirado" contra sua saúde e que ele e Duff o prejudicavam na hora de compor.

Para a alegria dos fãs, tudo isso pode ter ficado no passado. “Tenho que ser cuidadoso com o que direi aqui”, brincou Slash. “Se todo mundo quiser fazer isso, e pelas razões certas, acho que os fãs adorariam. Acredito que seria divertido tentar.”

Em abril do ano passado, Axl já havia tocado em alguns shows com o baixista Duff Mckagan, após 17 anos de rompimento. Na época, o vocalista afirmou que a volta do músico era "uma possibilidade", alimentando rumores sobre o retorno da formação clássica do Guns.