Lollapalooza

Metallica saúda novo público no Lolla: "Vocês agora são parte da família"

Alexandre Schneider/UOL
A banda Metallica encerrou o primeiro dia no palco Skol, do Lollapalooza, com várias faixas de seu novo disco "Hardwired? To Self Destruct" Imagem: Alexandre Schneider/UOL

Rodolfo Vicentini

Do UOL, em São Paulo

25/03/2017 23h25

O Metallica encerrou o primeiro dia do Lollapalooza Brasil 2017, neste sábado (25), com um show pesado e provando que continua como um dos grandes nomes do thrash metal. Em sua terceira passagem por São Paulo em sete anos, James Hetfield, Kirk Hammett, Robert Trujillo e Lars Ulrich revisitaram a discografia da banda de metal mais bem-sucedida da música em um show de 2h.

Alguns fãs chegaram cedo ao Autódromo de Interlagos e garantiram os lugares mais privilegiados, bem perto da grade, já no início da tarde, passando pelos shows de Doctor Pheabes, Suricato, Cage the Elephant e Rancid, que subiram ao palco anteriormente.

Seguindo o roteiro previsto, o anúncio do tema instrumental "The Ecstasy of Gold", de Ennio Morricone, foi a introdução para o show do Metallica. Mas a surpresa veio em seguida com as estreantes em solos brasileiros "Hardwired" e "Atlas, Rise!", do álbum "Hardwired... to Self-Destruct", lançado no final do ano passado.

"Não ligo de onde vocês vieram e quem vieram ver. Vocês agora são parte da família Metallica", decretou James antes de tocar "For Whom the Bell Tolls", do clássico thrash "Ride the Lightning" (1984).

Ora como um maestro dominando sua orquestra em "Memory Remains", do álbum "Reload" (1997), ora arriscando no violão de aço antes de "The Unforgiven", do "Metallica (Black Album)" (1991),  o vocalista roubou a cena mais uma vez aliando carisma e técnica.

O som do palco Skol chegou a dar algumas engasgadas durante a apresentação, principalmente nos acordes mais graves, chegando a misturar os instrumentos. Efeitos de luz e um telão temático para cada faixa --mostrando inclusive o cartaz da primeira apresentação da banda em São Paulo, em 1989-- foi um adicional da apresentação, que levou milhares de pessoas se espalharem à frente do palco. 

A sequência "Harvest of Sorrow" e "Halo On Fire" esfriou um pouco o público, que se dispersou, mas o petardo "Whiplash", do clássico "Kill 'Em All" (1983), colocou o trem de volta aos trilhos.

"Quem aqui já viu um show do Metallica? E quem está vendo pela primeira vez?", questionou James, que ficou impressionado pelos braços erguidos em ambas respostas. "É muita gente!", comemorou.

A reta final foi tomada por "Master of Puppets", "Fade to Black", "Seek and Destroy", "Battery", "Nothing Else Metters" e "Enter Sandman", com direito à mistura de roda punk com dança de quadrilha. Afinal, juntar estilos foi a proposta do Lollapalooza.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Música
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Mulher - Moda
do UOL
Música
UOL Música
do UOL
do UOL
do UOL
TV e Famosos
UOL Música - Imagens
do UOL
TV e Famosos
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Música
do UOL
UOL Música - Imagens
do UOL
UOL Música - Imagens
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Música - Imagens
UOL Música - Imagens
UOL Música - Imagens
do UOL
do UOL
TV e Famosos
do UOL
do UOL
TV e Famosos
UOL Música - Imagens
UOL Música - Imagens
do UOL
UOL Música - Imagens
UOL Música - Imagens
do UOL
UOL Música - Imagens
do UOL
UOL Música - Imagens
Topo