Topo

Música

Hélcio Aguirra, guitarrista da banda Golpe de Estado, morre aos 56 anos

Edu Guimarães/Reprodução Facebook
O guitarrista da banda Golpe de Estado, Hélcio Aguirra, em foto do perfil do Facebook Imagem: Edu Guimarães/Reprodução Facebook

Do UOL, em São Paulo

21/01/2014 20h28

O guitarrista da banda Golpe de Estado, Hélcio Aguirra, foi encontrado morto nesta terça-feira (21) em seu apartamento em São Paulo. Ele tinha 56 anos.

De acordo com o guitarrista Faíska Borges, amigo de Aguirra, o corpo do músico foi encontrado pela irmã, com quem ele morava. A irmã relatou a ele que o músico morreu enquanto dormia.

Cauê Badaró, primo de segundo grau do músico, o corpo de Aguirra ainda não foi liberado pelo IML (Instituto Médico Legal) e as causas da morte não foram divulgadas. A famíla suspeita de infarto.

O corpo do músico será cremado no Crematório da Vila Alpina, na zona leste de São Paulo, às 16h.

Aguirra era separado da mulher, com quem ainda se relacionava, e não tinha filhos.

Hélcio Aguirra integrou, na década de 1980, a banda de heavy metal Harppia, que se destacou com o lançamento do EP "A Ferro e Fogo" (1985). Na mesma época, o guitarrista juntou-se a Nélson Brito (baixo), Paulo Zinner (bateria) e Catalau (voz) para formar o Golpe de Estado.

Com a banda, Aguirra lançou oito discos. O mais recente foi "Direto do Fronte", lançado no final de 2012, quando a gravadora Substancial Music relançou os álbuns "Nem Polícia, Nem Bandido" (1989), "Quarto Golpe" (1991) e "Zumbi" (1994) em versões remasterizadas e com novo encarte.

Recentemente, a banda participou do programa de Ronnie Von, na TV Gazeta.

  • Reprodução Facebook

    A banda Golpe de Estado (com Hélcio Aguirra à direita) durante apresentação no programa "Todo Seu" de Ronnie Von, na TV Gazeta